Esportes

CBF escolhe o Nordeste como palco inicial nas eliminatórias

Depois do vexame da seleção na Copa do Mundo, a CBF decidiu levar o time de Dunga para o Nordeste no início das eliminatórias.

O eixo Rio-São Paulo está fora do roteiro inicial da equipe no torneio classificatório para o Mundial da Rússia, em 2018. Fortaleza e Salvador são as cidades mais cotadas para receber o time nacional nos dois primeiros jogos pela competição.

Dirigentes dos dois Estados confirmaram à Folha de S.Paulo a negociação com a CBF. O Castelão deverá ser oficializado nos próximos dias como palco da primeira partida da seleção no país no torneio.

O adversário será a Venezuela, em outubro. A data exata ainda não foi confirmada pela Conmebol (Confederação Sul-Americana).

A partida será o reencontro dos jogadores com a torcida brasileira, que sofreu com a campanha da seleção na Copa – foi goleada pela Alemanha, por 7 a 1, no Mineirão, nas semifinais, e perdeu para a Holanda, por 3 a 0, em Brasília, na disputa do terceiro lugar.

Ainda neste mês, o técnico Dunga e o coordenador de seleções, Gilmar Rinaldi, devem viajar para Fortaleza com o objetivo de inspecionar um novo centro de treinamento próximo ao Castelão. O local servirá para Dunga comandar o ensaio tático da equipe.

Pelo planejamento da CBF, o time nacional jogaria a partida seguinte em Salvador, pelas eliminatórias. Em novembro, a equipe enfrentará o Peru, segundo a tabela do torneio. O jogo seria realizado na Fonte Nova.

A estreia da seleção no torneio classificatório para o Mundial será contra o Chile, provavelmente em Santiago.

A competição vai classificar os quatro primeiros colocados para a Copa. Já o quinto vai disputar a vaga na Copa numa repescagem.

No próximo mês, Dunga fará os últimos testes antes do início das eliminatórias. A seleção fará dois amistosos nos Estados Unidos.

O primeiro será contra a Costa Rica, no dia 5, em Nova Jersey. Três dias depois, a equipe enfrenta os EUA.

Nesta quinta (13), o treinador vai convocar os jogadores para os dois amistosos.

A excursão norte-americana será a primeira da seleção depois da campanha decepcionante na Copa América, no Chile. O time foi eliminado, nos pênaltis, nas quartas de final, pelo Paraguai.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir