Sem categoria

Casal é preso após Rocam estourar ‘laboratório de drogas’ no Japiim

Além de armas e munições, foram apreendidas diversas porções de entorpecentes – foto: divulgação/PM

Além de armas e munições, foram apreendidas diversas porções de entorpecentes – foto: divulgação/PM

O casal Jordânia Egler Braga Silva, 33, e Renato Félix da Silva, 27, foi preso na madrugada desta terça-feira (14) após militares da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam) estouraram um ‘laboratório de drogas’ que funcionava na casa deles, localizada no bairro Japiim, Zona Sul de Manaus. Foram apreendidas na residência drogas e armas de fogo, além de materiais para embalo e refino do material ilícito.

De acordo com o tenente R. Oliveira, que comandava a viatura 5851, por volta de 1h30 desta terça-feira, a equipe recebeu denúncia anônima de que em uma residência do beco Penetração havia intensa comercialização de drogas.

A equipe foi ao local informado, durante o procedimento encontrou, no fundo do quintal, apetrechos usados para a mistura, refino e embalagem de drogas. Dentro da casa foram localizadas três armas de fogo, munição, várias porções de substâncias com aspecto de entorpecentes. Renato Félix foi flagrado tentando se esconder no forro do teto da residência.

Após a conclusão do procedimento, o casal recebeu voz de prisão, além de serem conduzidos e apresentados ao 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde os dois devem ser autuados nos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, porte Ilegal de arma de fogo de uso permitido e posse irregular de arma de fogo de uso restrito.

Foram apreendidos uma pistola taurus modelo PT 940, calibre .40; uma pistola taurus modelo PT 101 AFS com numeração suprimida; um revólver modelo Rossi, calibre .38; (um) carregador de calibre 380 com capacidade para 19 munições; (um) carregador de calibre 380 com capacidade para 15 munições; 61 munições de calibre para .40 de treino; três munições .40; 123 munições calibre .40 ogival; uma munição 9mm; uma munição calibre .45; sete munições calibre .12; e seis munições calibre .38.

Também estavam no local três porções grandes de supostamente pasta-base; uma porção grande de supostamente cocaína; um tablete de supostamente pasta-base; uma porção média de supostamente pasta-base; uma porção pequena de pasta-base; 124 porções de supostamente pasta-base; três balanças de precisão; uma máquina de contar cédulas; e um celular modelo Blackberry, além de diversos materiais para mistura, refino e embalagem de entorpecente.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir