Holofotes

Carro de Cristiano Araújo estava a 179 km/h, dizem técnicos ingleses

Cristiano Araújo morreu na madrugada do dia 24 de junho - foto: reprodução

Cristiano Araújo morreu na madrugada do dia 24 de junho – foto: reprodução

Um novo parecer técnico aponta que o carro de Cristiano Araújo estava a 179 km/h exatamente 5 segundos antes da batida. O limite da via era de 110 km/h.

Segundo o delegado Norton Luiz Ferreira, da Polícia Civil de Goiás, o Land Rover tem “tecnologia muito avançada” e o velocímetro é digital, o que dificulta a medição da velocidade em acidentes.

Por isso, a própria Land Rover encaminhou a caixa preta para análise na fábrica. “É de interesse da marca comprovar que não havia defeito no veículo”, explica Ferreira à reportagem. “Veio um perito da empresa aqui em Goiânia e levou esse módulo, que eles chamam de caixa preta, para análise na Inglaterra”.

O carro continua em Goiânia para análise da perícia. O laudo oficial ficará pronto em cerca de 15 dias.

“Esses dados da Land Rover serão juntados ao inquérito”, diz o delegado. Com o inquérito concluído, o motorista Ronaldo Ribeiro poderá ser indiciado ou não. Ele pode responder por homicídio culposo e pegar até quatro anos de prisão.

Acidente

Cristiano Araújo morreu na madrugada do dia 24 de junho, na BR-153, após seu carro capotar no trecho entre Morrinhos e o trevo de Pontalina, em Goiás. Ele estava voltando de um show acompanhado do motorista e da namorada, Allana, que também morreu. O motorista saiu ileso.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir