Cultura

‘Carga Explosiva’ conta a origem de protagonista

carga-explosiva-divulg

Ed Skrein foi o eleito pela produção do filme como o mais adequado para executar as cenas que exigem coreografias extensas – foto: divulgação

‘Carga Explosiva: O Legado’ estreia nesta quinta-feira (10) em Manaus. O filme marca o início da trajetória de Frank Martin, seu relacionamento com o pai e a vida antes de se tornar transportador de mercadorias desconhecidas. No filme, Frank é contratado pela femme fatale Anna e suas três deslumbrantes ajudantes, mas logo ele descobre que ele está sendo enganado.

Anna e suas cúmplices sequestraram seu pai (Ray Stevenson), a fim de coagir Frank a ajudá-las a derrubar um grupo cruel de traficantes de seres humanos russos. Alimentado pela vingança, ele irá quebrar todas as suas regras e não vai parar por nada para resgatar seu pai neste longa de ação através da Riviera Francesa.

A série Carga Explosiva estabeleceu um patamar elevado de ação e aventura tendo conseguido algumas das sequências de ação mais memoráveis do gênero. O diretor Camille Delamarre exprime confiança nesse novo filme, com seu novo protagonista, mulheres movidas à vingança, brigas de rua, combate brutais e sequências de perseguição incríveis que irão exceder as expectativas do público. “‘Carga Explosiva: O Legado’ é mais do que um reboot”, diz ele. “É uma história completamente nova”.

Quando o cineasta francês Luc Besson decidiu reiniciar sua franquia de ação imensamente popular com um elenco mais jovem e um novo enredo, ele recorreu ao colaborador de longa data Camille Delamarre, que tinha acabado de fazer sua estréia como diretor no filme policial 13˚Distrito, para dirigir o filme.

“Eu havia editado ‘Carga Explosiva 3’ e dirigido cenas de ação da série de televisão ‘Transporter’, então eu já estava familiarizado com esse mundo”, diz Delamarre. “A franquia sempre foi um projeto divertido para se envolver porque há muita ação em um ambiente colorido, mas o novo roteiro tinha ainda mais um estilo James Bond do que os anteriores”.
Os filmes da trilogia original de “Carga Explosiva”, lançados entre 2002 e 2008, focaram principalmente em personagens masculinos durões.

“O Legado” expande o âmbito da narrativa, incluindo um grupo diversificado de mulheres duronas. “Nós temos quatro personagens femininas incrivelmente lindas que dão muito trabalho ao Transporter ao longo do filme”, diz Delamarre.

Para viver o papel icônico do motorista profissional Frank Martin, os cineastas sabiam que precisavam de um jovem ator talentoso com uma capacidade física extraordinária necessária para lidar com as extensas coreografias de luta e a sequência de cenas tensas que são tão fundamentais para a franquia.

Relativamente desconhecido, o ator britânico Ed Skrein acabou por ser a escolha óbvia, diz Delamarre, especialmente uma vez que ele recebeu o selo de aprovação do lendário coordenador de dublês Alain Figlarz (“A Identidade Bourne”, “Busca Implacável 2”, “Lucy”). “Luc Besson enviou a Alain suas sugestões iniciais para o papel e ele testou os atores por alguns dias para ver se eles poderiam enfrentar o desafio”, diz Delamarre. “Ele chegou à conclusão de que Ed era perfeitamente adequado para o trabalho”.

 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir