Cultura

Capa do CD do Caprichoso reúne mítico e natureza

CD do Boi Caprichoso será duplo e terá 26 toadas – Divulgação

A trilha sonora da “Poética do Imaginário Caboclo” está pronta e estará à disposição da nação azul e branca a partir do mês de abril. Serão dois cd’s com 13 toadas cada.

“São 13 toadas de galera e 13 toadas de arena”, explica o presidente do Caprichoso, Babá Tupinambá, assegurando que, além de ser entregue aos sócios torcedores em dia com suas mensalidades, o álbum também será comercializado na loja Vitrine Azul e no site do bumbá.

Com o intuito de promover um impacto visual que acompanhasse as ousadias do projeto Caprichoso 2017, o Conselho de Arte desenvolveu o projeto gráfico do CD duplo “A Poética do Imaginário Caboclo – Caprichoso 2017” evidencia o universo mítico e natureza dividindo o mesmo espaço representam-se entre o real caboclo, romeira, e indígena com o mundo do mito amazônico de tupã, boto sedutor e iara mãe d´água. Ambos, reunidos na mandala universal, apreciam entre um alegre sorriso e olhares misteriosos a chama acesa da cultura popular, o boi-bumbá Caprichoso.

A produção dirigida pelo Conselho de Arte da Associação Cultural Boi-Bumbá Caprichoso, com ensaio fotográfico, idealizado por Ericky Nakanome e executada por Chico Cardoso aconteceu em dezembro de 2016, na estrutura do novo estúdio fotográfico da Associação. Participaram do ensaio como modelos voluntários Neandro Marques (Caboclo), Sandro Assayag (Tupã), Tayrinne Beltrão (Iara), Ana Caroline (Romeira), Thiago Souza (boto sedutor) Madson Hipólito (indígena) e Markinho Azevedo (Boi Caprichoso). “Foram três dias de ensaio”, comenta.

Os entes do imaginário foram capturados pelas lentes de Katiuscia Ferreira e a equipe técnica teve a participação dos maquiadores Helerson Maia e Irlan Carvalho com figurinos de Ericky Nakanome e Adriano Canto. “As indumentárias também contaram com o apoio da etnia Sateré Mawé que gentilmente cederam as artes plumárias e acompanharam todo o ensaio na pessoa de Ademir Sateré e Nira Sateré”.

Na última fase da produção o designer Paulo Victor materializou nas imagens do projeto gráfico o sonho da festa cabocla, organizando os elementos em uma poeira cósmica de magia e encantamento.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir