Eleições 2016

Candidatos à prefeitura apresentam propostas para construção civil e mercado imobiliário

propostas-ademi-sinduscon-candidatos

Entre as propostas apresentadas aos candidatos destacam-se o estabelecimento de Parcerias Público-Privadas (PPP) e concessões – foto: Divulgação

A criação de novos postos de trabalho, a desburocratização do setor da construção civil e do mercado imobiliário e a necessidade de verticalização da cidade foram algumas propostas apresentadas nesta terça-feira (27) pelos candidatos à prefeitura de Manaus, Marcelo Ramos (PR) e Arthur Virgílio Neto (PSDB). O encontro foi organizado pela Associação das Empresas do Mercado Imobiliário do Amazonas (Ademi-AM) e Sindicato da Construção Civil do Amazonas (Sinduscon/AM).

O evento aconteceu no hotel Caesar Business, com o candidato Marcelo Ramos, às 8h30, e com o prefeito, candidato a reeleição, Arthur Neto, às 11h. Na ocasião, os candidatos também receberam uma carta- proposta, elaborada pelas entidades, com 15 sugestões dos dois setores aos planos de governo.

“Os setores da construção civil e do mercado imobiliário geram aproximadamente R$ 2 bilhões anualmente à economia local, além de criar 50 mil empregos diretos. As sugestões dos setores precisam ser analisadas com cuidados pela futura gestão municipal, para que assim consigamos manter um crescimento em conjunto”, afirmou o presidente da Ademi-AM, Romero Reis.

De acordo com o Marcelo Ramos, que foi o primeiro candidato a apresentar suas propostas, o fortalecimento dos conselhos, a garantia de estabilidade entre as relações das prefeituras com esses setores e o estímulo da verticalização da cidade são alguns dos pontos mais importantes do seu plano de governo.

“As obras públicas precisam ter prazo para começar e terminar. Como candidato a prefeito de Manaus, eu asseguro agilizar os processos”, afirmou.

Ramos falou também da criação de um ponto de atendimento ao empreendedor. “Será um ponto físico e virtual. Não podemos perder tanto tempo com a análise dos projetos”, pontuou.

Já o candidato a reeleição, Arthur Virgílio Neto, destacou a regulamentação e melhor forma de execução do plano diretor municipal.

“Precisamos analisar, com bom senso, as futuras construções e, quem sabe, poder conceder a licença para construções com mais de 40 andares”, declarou.

Propostas

Dentre as propostas apresentadas aos candidatos pela Ademi-AM e Sinduscom/AM, destacam-se o estabelecimento de Parcerias Público-Privadas (PPP) e concessões, com focos em investimentos; a promoção de incentivos fiscais ao setor da construção civil por meio da desoneração e redução de impostos e taxas; o fortalecimento dos conselhos municipais vinculados ao setor e a revisão dos custos das taxas de licenciamentos e aprovações de obras.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir