Dia a dia

Cabelereiro é executado com nove tiros próximo a Itacoatiara

O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) - foto: arquivo EM TEMPO Online

O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) – foto: arquivo EM TEMPO Online

O cabeleireiro Wendell Silva e Silva, 24, foi executado com nove tiros, por volta das 18h de sábado (30), na comunidade Novo Remanso, município de Itacoatiara (a 176 quilômetros da capital). De acordo com a polícia, a suspeita é de que o crime seja encomendado por uma ‘amiga’ chamada de ‘Juciane’.

Os familiares afirmam desconhecer a motivação do crime. Eles também alegam que ele não tinha envolvimento com o tráfico de drogas.

Segundo a namorada de Wendell, a dona de casa Cristiane Paiva, 22, vítima  e ela saíram para ir ao mercadinho e, quando retornaram à residência do casal, um homem não identificado, que estava em uma motocicleta modelo Honda 125, cor cinza,  ordenaram que eles deitassem no chão.

Ainda segundo a dona de casa, o suspeito trajava calça jeans, blusa verde, era magro e moreno. O atirador chegou a morar algumas semanas na casa de ‘Juciane’. “Eu não faço ideia o que motivo a morte dele. Ele não me disse nada sobre ameaças e nem dívidas com ninguém. Tenho certeza que a ‘Juciane’ está envolvida com esse crime, porque fugiu da casa alguns minutos após o crime. Não sei o porquê disso”, afirmou Cristiane.

O caso foi registrado na Delegacia Interativa de Polícia (DIP) que trabalha com a hipótese de crime motivado por vingança. A suspeita está sendo procurada pela polícia. O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML).

Por Ana Sena

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir