Mundo

Busca por novos destroços de avião desaparecido continua em ilha francesa

A busca por novos destroços que permitam esclarecer o mistério do voo MH370 prossegue na ilha francesa de Reunião, após as autoridades terem descartado a possibilidade de pedaços de metal encontrados neste domingo (2) pertencerem ao avião desaparecido.

O voo MH370 da Malaysia Airlines desapareceu na noite de 8 de março de 2014, quando sobrevoava o mar do Sul da China, depois de ter mudado de rota, quando se dirigia de Kuala Lumpur para Pequim, com 239 pessoas a bordo.

As operações de busca não tiveram resultados até a semana passada, quando foi encontrado um pedaço de asa de um Boeing 777 na ilha francesa no Oceano Índico. Hoje, um morador de Saint André encontrou um fragmento de alumínio de 70 centímetros que suspeitou ser parte de uma porta de avião e o entregou à policia.

A Malásia pediu atenção às autoridades dos países do Índico próximos à ilha de Reunião para o possível surgimento de novos destroços do avião da Malaysia Airlines, que continua a ser um dos grandes mistérios da aviação.

Até hoje, a aeronave não foi encontrada. Em janeiro, as autoridades malaias declararam todos os passageiros como mortos.

 

Por Agênciabrasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir