Esportes

Brasil termina 2º dia de vela mais longe do pódio

Robert Scheidt caiu uma posição na classe laser e encerrou o dia em oitavo, após performance semelhante à de ontem - foto: reprodução/Twitter Rio 2016

Robert Scheidt caiu uma posição na classe laser e encerrou o dia em oitavo, após performance semelhante à de ontem – foto: reprodução/Twitter Rio 2016

Os atletas brasileiros do torneio olímpico de vela perderam algumas posições nas provas disputadas nesta terça-feira (9).

Robert Scheidt caiu uma posição na classe laser e encerrou o dia em oitavo, após performance semelhante à de ontem. Ele foi mal novamente na primeira regata do dia, ficando em 27º, e impediu um prejuízo maior terminando a outra etapa em quarto.

Na classe RS:X, tanto Ricardo Santos como Patrícia Freitas perderam uma posição após três regatas. Ambos começaram o dia em sétimo e terminaram em oitavo.

Após quatro regatas, a brasileira com menos chances de medalha na modalidade segue sendo Fernanda Decnop, na classe laser radial, que caiu oito lugares e terminou o dia em oitavo.

Jorge Zarif, que estreou nesta terça na classe finn, é o melhor brasileiro até aqui. Está na quarta colocação após duas parciais.

As competições na vela continuam nesta quarta-feira, a partir de 13h05, com regatas nas classes finn, laser e laser radial, além das primeiras disputas nas classes 470 e nacra.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir