Sem categoria

Brasil sobe para terceiro no quadro de medalhas dos Jogos Pan-Americanos

O desempenho de ouro da natação brasileira, na noite dessa quarta-feira (15), ajudou a levar o Brasil à terceira posição no quadro de medalhas dos Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá.

Já são 16 medalhas de ouro, 14 de prata e 25 de bronze. O Brasil só fica atrás dos donos da casa, com 33 ouros, e dos Estados Unidos, que subiram 28 vezes no topo do pódio. Logo atrás do Brasil, estão Cuba e Colômbia. Os dois países também conquistaram 16 ouros, mas ficam atrás no número de medalhas de prata.

Além das seis medalhas da natação, sendo três de ouro, o Hino Nacional também tocou na disputa do halterofilismo. O atleta Fernando Reis venceu a prova na categoria acima de 105 kg, ao levantar um total de 427 kg em quatro tentativas. A medalha de prata ficou com o Canadá e a de bronze, com o Equador.

O desempenho brasileiro também teve destaque no badminton, com duas medalhas de prata. As irmãs Luana e Lohaynny Vicente, além da dupla Daniel Paiola e Hugo Arthuso, perderam as finais, mas garantiram lugar no pódio. No tiro rápido 25 metros, Emerson Duarte também levou a prata.

No futebol feminino, um placar que traz más lembranças para os brasileiros se repetiu. Mas, dessa vez, a nosso favor. A Seleção venceu o Equador por 7 a 1, com direito a cinco gols de Cristiane, sendo quatro deles de cabeça. “Tenho uma boa impulsão e aproveitei que elas não marcavam. Foi um alívio, na verdade, tirei um peso que estava carregando”, disse a atacante ao site do Comitê Olímpico Brasileiro (COB). Cristiane havia deixado o mundial de futebol feminino, no mês passado, sem marcar nenhum gol.

Hoje, em Toronto, o Brasil entra em ação no vôlei de praia e, no tênis feminino, a dupla brasileira Beatriz Haddad e Paula Gonçalves disputa o bronze com as argentinas Maria Irigoyen e Paula Ormaechea. O Brasil também volta a cair na água nesta quinta-feira. Nas eliminatórias da natação feminina, Joanna Maranhão e Gabrielle Roncatto disputam os 400m medley, enquanto Daiene Dias e Daynara de Paula nadam os 100 metros borboleta. As meninas dos 4×200 metros livre também competem hoje.

Na natação masculina, Arthur Mendes disputa as eliminatórias dos 100 metros borboleta e Brandonn Almeida e Thiago Pereira nadam os 400 metros medley.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2016 EM TEMPO Online. Todos Os Direitos Reservados.

Subir