Esportes

Brasil conquista 15 medalhas e está em 3° lugar nos Jogos Mundiais Militares

O Brasil conquistou, hoje (8), 15 medalhas nos Jogos Mundiais Militares, na Coreia do Sul. As medalhas foram nas modalidades natação (6), atletismo (3), taekwondo (3) e ciclismo (3). Com o desempenho, o país subiu para o terceiro lugar no ranking de medalhas, com 47 premiações (18 ouros, 15 pratas e 14 bronzes), bem à frente da anfitriã, que ocupa o quarto lugar com 29 medalhas. A China manteve a segunda posição, com 69 medalhas, atrás da Rússia, com 104 medalhas.

Na prova de 50 metros costas masculino, dois atletas subiram ao pódio: os sargentos do Exército Nicholas dos Santos e Henrique de Souza Martins ganharam medalhas de ouro e prata respectivamente. Nos 100m livres, Graciele Hermann e Nicolas Nilo Cesar de Oliveira ficaram com medalhas de bronze.

No revezamento 4×100 medley foram mais duas medalhas: a equipe masculina ficou com a prata e a feminina com o bronze. Com o resultado, o Brasil está em 2º lugar no ranking de natação, atrás apenas da China, com 13 medalhas sendo quatro de ouro.

A gaúcha Graciele Hermann, que além do bronze desta quinta-feira, conquistou uma prata no primeiro dia de competições, disse estar feliz por contribuir para o resultado geral do país. “A cada caída na água, a gente procura dar o máximo para ajudar as Forças Armadas”, afirmou. Para Nilo de Oliveira, também medalhista dos 100 metros livres, o mundial militar é uma boa oportunidade de competir antes da seletiva para os Jogos Olímpicos Rio 2016.

Outras modalidades

As provas de atletismo foram realizadas no Kafac Sports Complex, em Mungyeong e a equipe do revezamento feminino 4X100 levou o ouro. O sargento do Exército Aldemir Gomes ficou com o terceiro lugar nos 200m individual masculino e a sargento Rosângela Santos, além do ouro no revezamento, ganhou medalha de bronze nos 200m feminino. Ontem (7), Rosângela já havia conquistado o ouro nos 100m.

“Este é o meu primeiro mundial como militar e conquistei três medalhas. Mesmo sendo uma competição fora de época, nunca deixei de treinar e me dedicar. Estou fechando essa temporada muito feliz”, comemora a atleta.

Os atletas do taekwondo conseguiram três medalhas nos tatames do complexo esportivo Kafac: duas de ouro e uma de prata. A sargento do Exército Iris Silva Tang Sing, ficou em primeiro lugar na categoria menos de 46 kg. Ela derrotou a iraniana Nahid Kiyanichandeh e conseguiu somar mais 20 pontos rumo à classificação para os Jogos Olímpicos.

No masculino, categoria até 54kg, o sargento da Marinha Venilton Torres Teixeira bateu o iraniano Mahdi Eshaghi, em uma luta de recuperação e também levou ouro. Na terceira decisão, o sargento da Marinha Guilherme Dias Alves não conseguiu superar o iraniano Abolfazl Yaghoubijoubai e ficou em 2º lugar, na categoria até 63 kg.

Já no ciclismo, as atletas brasileiras tiveram muito que comemorar: além do ouro por equipes, o Brasil também conquistou, na prova de resistência, as medalhas de prata e bronze, no individual, com a dobradinha das irmãs Clemilda e Janilde Fernandes. A vencedora da prova foi a russa Natália Boyarskaya.

Nos Jogos Mundias Militares realizados no Rio de Janeiro, em 2011, o Brasil ficou em primeiro lugar no quadro de medalhas. Para a edição coreana, o objetivo é ficar entre os cinco primeiros países.

Por Agência Brasil * Com informações do Minitério da Defesa

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir