Sem categoria

Braga descarta sair do ministério de Minas e Energia

“Eu estou e continuo no ministério”, disse o ministro ao EM TEMPO, por telefone - foto: divulgação

“Eu estou e continuo no ministério”, disse o ministro ao EM TEMPO, por telefone – foto: divulgação

O ministro de Minas e Energia Eduardo Braga (PMDB) disse que não cogita entregar o cargo e também não pretende sair do PMDB (o prazo para desfiliação, inclusive, já se esgotou). Braga contraria orientação da Executiva Nacional, que rompeu com o governo e aconselhou os sete ministros peemedebistas a deixaram os cargos. Apenas Henrique Eduardo Alves (Turismo) obedeceu.


“Eu estou e continuo no ministério”, disse o ministro ao EM TEMPO, por telefone. “Qualquer decisão nesse sentido será tomada pela presidente Dilma Rousseff”, afirmou, revelando que caberá à presidente demiti-lo.

Braga disse que é contra o rompimento do partido com o PT e considera a medida precipitada. “Eu acho que o PMDB deveria aguardar mais para tomar essa decisão lá na frente. O tempo está demonstrando que foi uma ação precipitada, em que pese as formalidades legais, foi algo impensado”, avaliou.

Eduardo Braga e Kátia Abreu (Agricultura), ministros mais próximos à Dilma, têm se reunidos com o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), para tentar encontrar um meio termo para permanência do partido no governo. Renan é a “ponte” na conversa com o presidente da sigla, Michel Temer (PMDB-SP), que “sentenciou” os ministros a entregarem as pastas.

Além de Braga e Kátia Abreu, continuam no governo os ministros peemedebistas Helder Barbalho (PA), da Pesca e Aquicultura; Marcelo Castro (Saúde); Mauro Lopes (Secretaria Nacional de Aviação Civil); e Celso Pansera (Ciência e Tecnologia).

Por Henderson Martins

2 Comments

2 Comments

  1. Hideraldo Costa

    1 de abril de 2016 at 09:44

    Excelente atitude do Senador Eduardo Braga, não é hora de abandonar o barco e Sim de trabalhar pelo desenvolvimento do Brasil, do Amazonas e principalmente como esta acontecendo com o Interior do amazonas.

  2. Hideraldo Costa

    1 de abril de 2016 at 08:25

    Excelente a postura do nosso senador Eduardo Braga, não é hora de abandonar nenhum barco é hora de trabalhar pelo beneficio do Brasil, do Amazonas e principalmente pelo Interior do nosso estado como ele esta fazendo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir