Economia

Bolsa e dólar caem em dia de votação final do impeachment

O principal índice da Bovespa encerrou o pregão em queda no dia em que o Senado brasileiro aprovou, por 61 votos a 20, o impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff. O Ibovespa caiu 1,15% e encerrou aos 57.901 pontos. O volume negociado somou R$ 8,62 bilhões.

A bolsa brasileira iniciou o dia em alta, mas reverteu a tendência a partir do fim da manhã. Já o dólar registrou queda de 0,3% e fechou cotado a R$ 3,229 na venda.

Além do julgamento final no Senado, os investidores acompanham o cenário externo. O mercado observa com atenção a situação dos juros nos Estados Unidos.

Neste mês, o Federal Reserva (Fed, Banco Central norte-americano) indicou que pode aumentar os juros antes do fim deste ano. Ontem (30), o vice-presidente do Fed, Stanley Fischer, disse que os Estados Unidos estão próximos do pleno emprego e que o banco decide o ritmo sobre a elevação de juros “com base em dados”.

Juros mais altos nos países desenvolvidos estimulam a retirada de capitais financeiros de países emergentes, como o Brasil, pressionando para cima a cotação do dólar.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir