Tecnologia

Black River produz o seu primeiro ‘game’ autoral

Roteiro do jogo, inspirado em “Alice no País das Maravilhas”, narra a visita de crianças a três mundos diferentes para fotografar monstros-foto: divulgação

Roteiro do jogo, inspirado em ‘Alice no País das Maravilhas’, narra a visita de crianças a três mundos diferentes para fotografar monstros-foto: divulgação

O primeiro jogo autoral produzido pelo Black River, estúdio de games mantido pelo Samsung Instituto de Desenvolvimento de Informática para Amazônia (Sidia), está sendo lançado neste mês. ‘Finding Monsters’ é uma aventura desenvolvida para celulares e tablets protagonizada pelos personagens Jake e Tess, que ao encontrarem um portal mágico, exploram um mundo de fantasias e registram suas descobertas com uma câmera fotográfica em várias missões entre monstros coloridos e cenários fascinantes.

O roteiro foi escrito por Martin Olson, indicado ao Emmy, e inspirado no clássico ‘Alice no País das Maravilhas’. Martin já trabalhou em outras animações como ‘Adventure Time’, ‘Phineas & Ferb’ e ‘Bob Esponja’.

Indicado para toda família, o jogo começa com um portal encontrado pelas crianças em seu quarto. Por meio dele, elas visitam três mundos diferentes fotografando os monstros, desvendando segredos e obtendo itens colecionáveis para salvar o mundo mágico. Cada monstro possui movimentos especiais que devem ser capturados pelas fotos e apenas as melhores e mais engraçadas poses de cada monstro é que valem. As fotos feitas no jogo também podem ser compartilhadas nas redes sociais.

“Em ‘Finding Monsters Adventure’, o mundo mágico está misteriosamente sumindo. Para tentar fazer com que isso não ocorra, os personagens principais têm que tirar fotos de todas as criaturas”, conta Thais Weiller, uma das produtoras do game. “É preciso esperar o momento correto para registrar as imagens, pois poses engraçadas e momentos cômicos oferecem uma pontuação maior”, explica.

Composta por uma equipe de 35 pessoas, entre designers de games e programadores, o jogo foi desenvolvido no Black River, em Manaus. “Trabalhamos no ‘Finding Monsters’ por um ano, desde a concepção do roteiro, até a composição dos cenários, movimento dos personagens e a trilha sonora. Foi um trabalho árduo, mas muito recompensante, porque é nosso primeiro jogo totalmente autoral”, afirma Chris Lee, superintendente do Sidia. O jogo é totalmente gratuito, e está disponível para download na Samsung Galaxy Apps e na Play Store.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir