Sem categoria

Bebê morre de fome, após mãe tirar a própria vida dentro de apartamento

 A mãe tirou a própria vida e bebê morreu de fome em cima da cama - foto: Ione Moreno


A mãe tirou a própria vida e bebê morreu de fome em cima da cama – foto: Ione Moreno

Um bebê de 3 meses e a mãe, uma técnica de enfermagem identificada apenas como “Sara”, foram encontrados mortos na noite de ontem em uma residência na rua Diagonal, no bairro Betânia, Zona Sul. Segundo a polícia, o menino provavelmente teria morrido de fome, após a mãe ter se enforcado, deixando a criança sozinha.  

Segundo os vizinhos, desde o último domingo (6), Sara, que costumava ficar na frente de casa conversando com os moradores, não era vista na rua. Nesta terça-feira (9), um forte odor foi sentido na área vindo da casa da técnica de enfermagem. Alguns moradores ainda chegaram a bater da porta da casa de “Sara”, mas como não tiveram resposta, decidiram chamar a polícia.

“O sumiço dela neste feriado foi muito estranho, pois a ‘Sara’ sempre costumava sair de casa para passear com o filho, e desde o domingo não a vimos. Hoje, (ontem) sentimos um fedor saindo a casa e, preocupados, chamamos a polícia”, disse uma vizinha que preferiu não se identificar.

Ao entrarem no local, policiais militares da 7º Companhia Interativa Comunitária (Cicom) encontraram o corpo de “Sara” pendurado enrolado em um punho de rede no quarto e o corpo do bebê, que estava sem sinais de agressão na cama morto. A suspeita é que a mãe da criança tenha se matado e o menino tenha morrido de fome.

“O caso será investigado pela polícia, e somente uma perícia técnica poderá afirmar o motivo da morte do bebê, mas a principal suspeita é que o menino tenha morrido desnutrido, já que ele apenas de alimentava do leite materno e ficou sozinho durante dois dias”, destacou um policial militar.

Parentes de “Sara” que estiveram no local não quiseram falar sobre o caso, apenas relataram que a técnica em enfermagerm estava com depressão pós-parto. “Ela chegou a mencionar que estava sofrendo com depressão, mas não acreditamos que poderia ser algo tão grave a ponto de acontecer isso. Estamos muito chocados”, disse uma prima da vítima.

Os corpos de “Sara” e do filho foram removidos por volta de 23h de ontem e o caso será investigado.

Por Stenio Urbano

1 Comment

1 Comment

  1. Maria

    9 de setembro de 2015 at 01:58

    Vocês deveriam apurar melhor as matérias as quais vocês publicam, na verdade o bebê não era um menino e sim uma menin.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir