Sem categoria

Bancários do AM entram em greve nesta terça-feira

No Amazonas, a greve foi aprovada, por unanimidade, no último dia 1º, pelos trabalhadores - foto: arquivo em tempo

No Amazonas, a greve foi aprovada, por unanimidade, no último dia 1º, pelos trabalhadores – foto: arquivo em tempo

As agências bancárias do Amazonas devem amanhecer fechadas a partir de hoje (6) por conta da paralisação nacional dos funcionários dos bancos. No Estado, espera-se que 35% dos 3,5 mil bancários “cruzem os braços” para reivindicar um reajuste de 15% no salário.

Na capital, o grupo vai acampar em frente às agências do Banco do Brasil, da Caixa Econômica Federal, do Bradesco, do Itaú e do Banco da Amazônia no centro da cidade. “Vamos nos reunir nas portas das principais agências do Centro para chamar atenção da população e das autoridades sobre nossas reivindicações. Nossa greve é por tempo indeterminado”, explicou o presidente do Sindicato dos Bancários do Amazonas (Seeb-AM), Nindberg Barbosa.

No Amazonas, a greve foi aprovada, por unanimidade, no último dia 1º, pelos trabalhadores. No país, a mobilização é orquestrada pelo Comando Nacional dos Bancários, coordenado pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT).

O presidente do sindicato, Nindberg Barbosa, explicou que a categoria reivindica aumento de 15% em cima do salário base, sendo 9.88% referente à inflação de setembro de 2014 a agosto de2015, além de 5% de ganho real. “No dia 25 de setembro, recebemos a contraproposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) de 5,5 % de reajuste. Isto não repõe nem a inflação”, ressaltou.

Ele ainda não soube estimar quantas agências da capital vão aderir totalmente à mobilização.
Contudo, já recebeu informações que unidades distribuídas nos municípios de Parintins, Itacoatiara, Rio Preto da Eva, Humaitá, Carauari, Presidente Figueiredo e Iranduba confirmaram a participação no movimento grevista.

Por Ive Rylo

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir