Economia

Banana e tomate estão mais caros nas feiras de Manaus

O preço da pacovan varia entre R$ 15 e R$ 20 a palma; já o quilo do tomate está sendo comercializado a R$ 14em alguns boxes da Manaus Moderna – fotos: Diego Jnatã e ABr

O preço da pacovan varia entre R$ 15 e R$ 20 a palma; já o quilo do tomate está sendo comercializado a R$ 14em alguns boxes da Manaus Moderna – fotos: Diego Jnatã e ABr

]Quem costuma frequentar as feiras de Manaus deve ter notado aumento em alguns itens comuns à mesa do amazonense. Entre os produtos que tiveram aumento significativo estão a banana pacovan e o tomate. Fatores climáticos estão interferindo nos valores, conforme os feirantes.

Conforme o feirante Paulo Roberto Ribeiro dos Santos, nesta época do ano, o clima de Boa Vista – onde há grande produção da banana comercializada em Manaus -, é muito quente e há muitas ocorrências de queimadas, o que tem feito com que o produto comece a ficar escasso. Segundo Paulo, o menor preço da caixa de banana prata e pacovan comercializada em Manaus era de R$ 10, agora o menor preço para o consumidor varia entre R$ 15 e R$ 20 a palma.

“Ano passado não faltou tanto quanto neste ano. As poucas bananas que temos na feira estão em menor qualidade, pois foram afetadas pelo calor que faz em Boa Vista, além das muitas queimadas que tem por lá”, disse o vendedor da feira da banana, na Manaus Moderna.

A caixa da banana prata (com 15 palmas) era adquirida, em média, pelos vendedores de feira por R$ 35 e hoje por R$ 55. Já a caixa da banana pacovan, que antes custava R$ 50 para os vendedores, agora está sendo era adquirida por R$ 100.

Se os preços aumentam para os feirantes, consequentemente outros subprodutos tendem a ter os valores reajustados. Os microempreendedores que trabalham com venda de café da manhã estão diminuindo a compra de produtos regionais para que o preço do pão com banana, por exemplo, não sofra alterações.

No café regional Deus é Fiel, pertencente a Alzenir da Cunha Ferreira, na Zona Sul da cidade, os preços ainda são os mesmos, porém, ela afirma que tem sido difícil ir à feira e voltar com a mesma quantidade de produtos que comprava há poucas semanas.

“É um absurdo o preço que a banana está atualmente, e eu não posso repassar isso ao meu cliente, pois o momento é de aperto para todos. Assim como eu vejo que o preço da banana está muito alto, os meus clientes vão achar um absurdo pagar R$ 5 em um pão”, observou.

No restaurante Imperial Refeições, Parque 10, Zona Centro-Sul, o cardápio que tem mingau de banana, pão com banana, tapioca com banana, X-caboquinho e banana frita ainda não sofreu alterações nos preços. Uma das proprietárias do restaurante, Patrícia Lima, afirma que os valores dos pratos ainda são controláveis, no entanto, ela também está comprando em menor quantidade para não afetar o bolso do consumidor final.

Outro produto que também apresentou alta significativa foi o tomate. Em algumas das principais feiras de Manaus o produto está sendo vendido a mais de R$ 10. Na feira da Manaus Moderna, Centro, o quilo do tomate está sendo comercializado a R$ 14.

Conforme o feirante Ronival Lima, o preço do produto está alto por conta das chuvas na região de Ilhéus (BA), de onde o produto é importado. De acordo com Lima, a caixa de tomate que estava sendo comercializada a R$ 100, hoje é vendida a R$200.

Por Asafe Augusto

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir