Cultura

Bailarino expõe acervo no hall do Teatro Amazonas; mostra ficará até domingo no local

Mourao-Diego-Janata

Marcelo Mourão integra o ABT desde 1997 – foto: Diego Janatã

Além de trazer a Manaus um espetáculo especial de balé, unindo leituras clássicas e contemporâneas, incluindo coreografias assinadas por ele mesmo, o bailarino Marcelo Mourão Gomes oferece ao público local a oportunidade de estar perto de parte de sua história artística, por meio da “pocket” exposição “Marcelo Gomes – 20 anos de American Ballet Theatre”. A mostra acontece no hall do Teatro Amazonas, até domingo (14). A curadoria é de Cleia Viana, diretora de museus da Secretaria de Estado da Cultura (SEC).


Peças como sapatilhas, figurinos, cartazes, publicações de entrevistas em revistas especializadas de diversas partes do mundo, catálogos de moda, fotografias e prêmios são os componentes da exposição que busca contar um pouco dos quase 20 anos de carreira de Marcelo Mourão Gomes somente como bailarino do American Ballet Theatre (ABT). “Quis aproveitar esse momento de proximidade com o público da minha casa, que é Manaus, para estreitar ainda mais os laços com as pessoas que admiram meu trabalho, apresentando algo dessa minha história construída e consolidada longe do Amazonas”, afirma o artista.

Marcelo Mourão Gomes ingressou no American Ballet Theatre em 1997, como membro do corpo de baile, e ascendeu rapidamente, sendo promovido a solista em 2000 e bailarino principal em 2002. Ele tem se apresentado em praticamente todos os espetáculos completos de balé clássico do repertório da companhia.

Tem se apresentado nos papéis principais nas obras de George Balanchine, Mikhail Fokine, Antony Tudor, Jerome Robbins, Sir Frederick Ashton, John Cranko e Martha Graham, tem criado papéis e trabalhado com Twla Tharp, William Forsythe, Paul Taylor, Mark Morris, Jiri Kylian, Lar Lubovitch, James Kudelka, Nacho Duato, Stanton Welsh, Jorma Elo e Christopher Wheeldon.

Nessa vinda a Manaus, o bailarino apresenta o espetáculo “Marcelo Mourão Gomes no Teatro Amazonas”, na companhia de outros oito colegas seus de ABT, vindos de Nova York, nos dias 12, 13 e 14 de agosto. As sessões do espetáculo acontecem às 20h nos dois primeiros dias, e às 17h, no terceiro.

acervo-mourao

Peças como figurinos, cartazes, revistas, fotografias e prêmios compõem a exposição – fotos: divulgação

Ingressos

Restam poucos ingressos para quem quiser assistir ao espetáculo “Marcelo Mourão Gomes no Teatro Amazonas”. Ao longo de, aproximadamente, duas horas e meia de apresentação, o público manauense vai conferir os balés “Apollo”, “Tristesse”, “Toccare” e dois atos de “O Lago dos Cisnes”, sendo um da visão clássica do coreógrafo Marius Petipa e outro do contemporâneo Matthew Bourne. O espetáculo conta com a execução das músicas ao vivo, interpretadas pela Orquestra Amazonas Filarmônica, sob a regência do maestro Marcelo de Jesus.

Os bailarinos Sterling Baca, Joo Won Ahn, Alexandre Hammoudi, Stella Abrera, Arron Scott, Gillian Murphy, Hee Seo e Devon Teuscher são os convidados de Marcelo Mourão Gomes. Segundo ele, todos foram escolhidos não apenas por serem seus colegas no ABT, mas por serem bailarinos experientes. “Para que ficasse algo completo e grandioso, convidei os melhores para fazerem parte da minha equipe. Foi por todo esse profissionalismo no palco que eles estão indo para Manaus”. Os ingressos ainda podem ser adquiridos na bilheteria do teatro.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir