País

Bactéria fecha pronto-socorro de hospital em Guarulhos

O pronto-socorro do Hospital Municipal de Guarulhos (HMU) está interditado desde terça-feira (23) devido à contaminação no local pela bactéria acinetobacter baumannii.

Entre maio e junho, quatro pacientes com a bactéria morreram ao darem entrada no hospital, segundo informações da Secretaria de Saúde.

Apesar da bactéria ser super resistente a antibióticos, a Secretaria de Saúde informou que não se trata de uma superbactéria.

O hospital transferiu ao menos 30 pacientes para outras unidades hospitalares da cidade para iniciar a limpeza e desinfecção total do ambiente. A transmissão ocorre por contato com superfícies contaminadas, de acordo com a pasta.

Durante a desinfecção, serão atendidos apenas casos de urgência e emergência.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir