Holofotes

Atriz trans Alexis Arquette, irmã de Patricia Arquette, morre aos 47

A atriz transgênero Alexis Arquette, irmã da também atriz Patricia Arquette, morreu na manhã deste domingo (11) aos 47 anos. Segundo seu irmão, Richmond Arquette, publicou no Facebook, ela ouvia “Star Man”, de David Bowie, em seus instantes finais de vida.

“Ele estava cercado pelos irmãos e irmãs, um de seus sobrinhos e por diversas pessoas queridas. Conforme era seu desejo, comemoramos a sua passagem para outra dimensão”, escreveu Richmond. A causa da morte de Alexis não foi revelada.

Nascido Robert Arquette, Alexis começou a atuar ainda jovem e esteve em “A Noiva de Chucky” e “Pulp Fiction”, ainda como ator. Como atriz, seu papel mais recente foi em “Juntos e Misturados” (2014), com Adam Sandler e Drew Barrymore.

A transição de Alexis foi documentada em “Alexis Arquette: Ela É meu Irmão”, documentário de 2007. Vem de uma longa linhagem de atores: seu avô, Cliff, e o pai, Lewis, eram intérpretes destacados em Hollywood. Além de Patricia, vencedora do Oscar em 2015 por “Boyhood”, seus irmãos David (“Nunca Fui Beijada”), Richmond (“Clube da Luta”) e Rosanna (“Pulp Fiction”) também fizeram carreira no cinema.

Em homenagem à irmã, Patricia publicou as músicas “Cosmic Dancer”, do T. Rex, e “Star Man”, de Bowie, em seu Twitter. Dedicou-as a “sua primeira melhor amiga”.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir