Esportes

Atlético-PR sofre em casa, mas vence de virada a Chapecoense

Atlético-PR supera Chapecoense na Arena da Baixada, em Curitiba - foto: Cleberson Oliveira/Chapecoense

Atlético-PR supera Chapecoense na Arena da Baixada, em Curitiba – foto: Cleberson Oliveira/Chapecoense

O Atlético-PR teve trabalho, mas conseguiu vencer mais uma dentro de sua casa neste Campeonato Brasileiro. Em jogo disputado na noite desta quarta-feira (5), na Arena da Baixada, o time de Paulo Autuori saiu atrás, mas conseguiu a virada – mesmo com ótima atuação do goleiro Danilo – e venceu o duelo, válido pela 29ª rodada da Série A, pelo placar de 3 a 1.

Foi a 12ª vitória em 15 jogos do Atlético-PR dentro da Arena da Baixada neste Nacional. Com o resultado, o time chega a 45 pontos e continua por pelo menos mais uma rodada na sexta colocação da tabela. Já a Chapecoense fica estacionada no 11º lugar, com 38 pontos.

O Atlético-PR terá agora mais de uma semana até o próximo compromisso, marcado para o dia 13, quinta-feira, contra o Grêmio, em Porto Alegre. Já a Chapecoense entra em campo um dia antes, diante do Sport, na Arena Condá.

O prata da casa Matheus Rossetto substituiu o machucado Luan logo no começo da partida e teve a chance de mostrar serviço a Paulo Autuori. E mostrou. Jogou bem e marcou um golaço no fim da partida, o terceiro do Atlético-PR. Foi, inclusive, o primeiro dele como profissional.

Lucas Fernandes não deixou a sua marca, mas foi o jogador que mais deu trabalho à defesa da Chapecoense. Correu demais e foi o responsável por iniciar a jogada do segundo gol, marcado por Rossetto.

O início de jogo do Atlético-PR dava a entender que o time da casa dominaria a Chapecoense e não demoraria a abrir o placar. Foram duas ótimas chances antes dos 10min, em cabeceadas de Paulo André e Lucho, mas em ambas Danilo fez milagre e manteve os catarinenses na partida. Ele seguiu bem na partida, mas ainda no primeiro tempo viu Hernani marcar de pênalti. Depois, já na etapa final, não conseguiu parar as finalizações de Pablo e Rossetto.

Atlético-PR
Santos; Léo, Paulo André, Thiago Heleno e Nicolas; Otávio, Hernani (João Pedro), Lucas Fernandes, Lucho González (Guilherme Schetinne) e Pablo; Luan (Matheus Rosseto). T.: Paulo Autuori

Chapecoense
Danilo; Gimenez (Lucas Gomes), Neto, Thiego, Filipe Machado e Dener Assunção (Alan Ruschel); Gil, Matheus Biteco, Cléber Santana e Tiaguinho (Ananias); Kempes. T.: Caio Júnior

Estádio: Arena da Baixada, em Curitiba
Árbitro: Wagner Reway (MT)
Gols: Filipe Machado, aos 18, e Hernani, aos 41 min do 1º tempo; Pablo, aos 38, e Matheus Rosseto, aos 43 min do 2º tempo
Cartões amarelos: Thiago Heleno, Lucas Fernandes (A), Dener Assunção, Filipe Machado e Gil (C)
Público: 12.292 total
Renda: R$ 138.695,00

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir