Esportes

Atletas amazonenses conquistam feito inédito em competição de jiu-jítsu no Rj

fonso Machado, 17; Huriel Kimura, 19; Fabiano Araújo, 21; Bruno Machado, 19, e Hygor Brito, 18, competiram no Rio de Janeiro. Foto: Fábio Leite

Afonso Machado, 17; Huriel Kimura, 19; Fabiano Araújo, 21; Bruno Machado, 19, e Hygor Brito, 18, competiram no Rio de Janeiro. Foto: Fábio Leite

Integrantes da academia Omar Salum, campeã do Manaus International Open, estiveram no Rio de Janeiro no último sábado, 20, onde conquistaram, pela primeira vez para a região Norte, o título de campeões brasileiros de jiu-jítsu por equipe na categoria adulto azul, peso pesado acima de 78 kg. A competição vale pontuação para o ranking da Confederação Brasileira de Jiu-Jítsu (CBJJ) e foi realizada no Tijuca Tênis Clube.

Com o apoio da Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer (Semjel), Afonso Machado, 17; Huriel Kimura, 19; Fabiano Araújo, 21; Bruno Machado, 19, e Hygor Brito, 18, enfrentaram outras cinco equipes até a conquista do título. Cada um deles participou de três lutas. Na final enfrentaram a favorita e dona da casa, Academia GFTeam (Grappling Fight Team) e venceram por 3×2 nos combates.

Apesar de estarem preparados, os atletas não se consideravam favoritos pelo fato de os lutadores dos estados participantes serem mais fortes e maiores que eles. “Nós éramos a zebra desse campeonato. Embora sejamos de uma cidade conhecida por lutadores altamente qualificados, os nossos adversários também demonstraram bastante confiança”, disse Afonso Machado.

Em agradecimento ao apoio recebido, eles comparecem à sede da Semjel na manhã desta segunda-feira, 22, e comentaram sobre a emoção do título conquistado. “Viemos agradecer por termos conseguido as passagens para que pudéssemos viajar e competir. O nosso agradecimento se estende também ao nosso mestre Nabil Oliveira e ao nosso preparador físico, Marcelo Almeida”, ressaltou Fabiano Araújo.

“No meu tempo não tínhamos tanto apoio, mas acredito que esses garotos possam ser campeões mundiais e que sejam grandes faixas pretas do nosso Estado. Espero que se formem e tenham uma qualidade de vida, pois é isso que o esporte proporciona. Agora vamos focar nas próximas competições internacionais para que possamos nos consagrar campeões”, concluiu o mestre dos lutadores, Omar Salum.

 

Os lutadores da academia Omar Salum se preparam para o Pan-Americano em Belém, no mês de outubro, e para o Campeonato Europeu de Jiu-Jítsu em Portugal, que será realizado em janeiro de 2015, além do Campeonato Mundial da modalidade, que ocorrerá no estado da Califórnia (EUA), entre maio e junho de 2015.

 

Com informações da Assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir