Mundo

Atentado em Cabul, no Afeganistão, deixa pelo menos 28 mortos

Um atentado suicida feito hoje (19) por talibãs no Afeganistão, contra um edifício do governo no centro de Cabul, deixou pelo menos 28 mortos, informou o chefe da polícia da capital afegã, Abdul Rahman Rahimi.

O ataque ocorreu perto dos serviços de inteligência afegãos, gerou nuvens de fumaça e fez tremer janelas a alguns metros de distância, segundo relatos das agências de notícias internacionais.

“Um homem chegou com um caminhão no parque de estacionamento do edifício” e acionou um explosivo, disse Rahimi, acrescentando que a maioria das 28 vítimas registradas até agora é de civis.

Balanço anterior, divulgado pelo Ministério da Saúde, informava que havia sete mortos e 327 feridos, muitos em estado grave.

O atentado, já reivindicado pelos talibãs, acorre uma semana depois de o grupo anunciar a ofensiva de primavera, apesar dos esforços do governo de Cabul para levar o grupo à mesa de negociação.

Os talibãs alertaram que iriam “promover ataques de larga escala contra posições inimigas em todo o país” durante a ofensiva chamada de Operação Omari, em homenagem ao fundador do movimento, Mullah Omar, cuja morte foi anunciada no ano passado.

A ofensiva anual de primavera dos talibãs marca habitualmente o início da “época de combate”, mas neste inverno o período de calma foi mais curto e continuaram a combater as forças do governo, com menor intensidade.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir