Mundo

Atentado à bomba mata 16 pessoas na Nigéria

Um atentado à bomba realizado num mercado de gabo em Maiduguri, a nordeste da Nigéria, matou 16 pessoas e deixou outras 24 feridas.

Chamado de Kasuwan-Shanu, o local é um dos maiores mercados de bovinos e ovinos do país. De acordo com testemunhas, após forte explosão neste sábado (6), várias pessoas saíram correndo para fora do mercado.

Não houve reivindicação imediata da autoria do ataque, mas há suspeita de que tenha sido obra do grupo terrorista Boko Haram.

Nos últimos dias, Maiduguri foi alvo de outros ataques. Na última quarta-feira (3), pelo menos oito pessoas morreram depois que uma bomba explodiu em uma movimentada área comercial.

Na terça-feira outra explosão deixou dezenas de mortos em um movimentado mercado. Na semana passada, pelo menos 26 pessoas morreram depois que um terrorista se imolou em uma mesquita da cidade.

O presidente da Nigéria Muhammadu Buhari anunciou que transferirá o quartel-general da ofensiva contra o Boko Haram da capital do país, Abuja, para Maiduguri, onde poderá coordenar melhor a resposta contra o grupo islamita.

Desde fevereiro, uma força multinacional liderada pela Nigéria e pelo Chade expulsou os insurgentes de Boko Haram de mais de 60 localidades. O objetivo é tentar acabar com a campanha de terror do grupo que desde 2009 deixou milhares de mortos e quase dois milhões de deslocados.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir