Esportes

Ataques decepcionam, e PSG e Real Madrid ficam no empate sem gols

De um lado, Ibrahimovic. Do outro, Cristiano Ronaldo. Mesmo com craques como esses, Paris Saint-Germain e Real Madrid não passaram de um empate por 0 a 0, nesta quarta-feira (21), pela terceira rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões.

Com o resultado, as duas equipes, ainda invictas na competição, chegam aos sete pontos -o time espanhol lidera a chave por critérios de desempate.

Contratado pelo PSG em julho pelo valor de 9 milhões de euros (R$ 40 milhões na cotação atual), Trapp, que atuava pelo Frankfurt (ALE) foi o grande nome do time francês na primeira etapa.

Ele fez ao menos três defesas difíceis. Uma num chute de Jesé, outra numa cabeçada de Cristiano Ronaldo e depois numa finalização de Casemiro.

O PSG, por sua vez, fez muito pouco para uma equipe que conta com jogadores como Ibrahimovic, Cavani e Di María, que reencontrava o seu ex-time, no ataque. No primeiro tempo, foram apenas dois chutes. E só um chegou até as mãos do goleiro Navas.

Depois do intervalo, a equipe da casa mudou totalmente de postura. Chegou mais ao ataque, mas não conseguiu criar grandes chances de gol. Navas não teve tanto trabalho como Trapp no primeiro tempo. Ibrahimovic apareceu pouco.
Mesmo menos presente no ataque, o Real Madrid teve a melhor oportunidade para marcar no segundo tempo, quando Cristiano Ronaldo recebeu um passe livre na área e chutou cruzado, mas mandou para fora.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir