Dia a dia

Artista plástico é encontrado morto no apartamento onde morava, no São Geraldo

O corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML), onde passará por exames de necropsia que apontarão as causas da morte - foto: acervo familiar

O corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML), onde passará por exames de necropsia que apontarão as causas da morte – foto: acervo familiar

O artista plástico Roland Stevenson, 83, foi encontrado morto na manhã desta terça-feira (4), dentro do apartamento onde morava, localizado na avenida Constantino Nery, bairro São Geraldo, Zona Centro-Sul de Manaus.

Em depoimento, um dos filhos do artista plástico, o professor universitário Walter Valenzuela, 53, disse que foi ao local visitar o pai, mas quando chegou ao imóvel sentiu um forte odor e percebeu que a porta estava trancada. Nesse momento, relatou que ficou preocupado.

Conforme informações do professor, ele chamou o irmão e os dois tiraram os pinos da porta e quando entraram se depararam com o corpo do pai caído ao lado da cama e com o colchão sobre o corpo.

“Uma parte do apartamento estava revirada. O celular dele estava lá. Aparentemente, não foi roubado nada. A última vez que falamos com ele foi na sexta”, disse Walter.

Conforme a polícia, aparentemente o homem não tinha sinais de perfuração e nem de agressão física pelo corpo.

O corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML), onde passará por exames de necropsia que apontarão as causas da morte.

Por equipe EM TEMPO Online

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir