Eleições

Arthur Neto desbanca Marcelo Ramos e é reeleito prefeito de Manaus no segundo turno

O prefeito reeleito trouxe a experiência para a campanha e agradeceu o resultado nas urnas - foto divulgação

O prefeito reeleito trouxe a experiência para a campanha e agradeceu o resultado nas urnas – foto divulgação

Com 581.777 mil votos, o que corresponde a 55,96%, o prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB), foi reeleito, neste domingo (30), no segundo turno das eleições 2016. Mesmo recebendo apoio da maioria dos políticos do Amazonas e candidatos que concorreram a vaga no primeiro turno, o adversário Marcelo Ramos (PR) não conseguiu passar na frente do tucano e obteve nas urnas cerca de 457.809 mil votos, 44,04% dos votos.

Com a chapa composta pelo deputado federal Marcos Rotta (PMDB) como vice, Arthur Neto enfrentou uma campanha diferente neste ano. O uso das redes sociais foi o principal instrumento de divulgação das propostas da coligação ‘Por uma só Manaus’.

Com trocas de farpas e acusações, os candidatos enfrentaram batalhas na justiça eleitoral durante todo o pleito. O prefeito reeleito trouxe a experiência para a campanha e agradeceu o resultado nas urnas.

“O povo já percebeu isso. Não vendemos mentiras na campanha. Estamos falando do que realmente dá para ser feito. É preciso ter experiência para ser administrador. Se hoje Manaus está com as fianças em dia, é porque o planejamento foi bom. Manaus exige experiência. É uma das cidades mais complexas do Brasil. Fazer um programa bonito e caro, é fácil. Difícil é enfrentar a realidade”, declarou ainda durante a campanha.

O prefeito contou com o apoio incondicional do senador Eduardo Braga (PMDB) e do ministro das Cidades, Bruno Araújo, que gravou um depoimento em vídeo onde declarou seu apoio ao tucano. O ministro destacou a competência de Arthur como gestor público, sua capacidade de trabalho, sua dedicação e amor por Manaus. Mesmo sem o apoio de nenhum dos candidatos que concorreram ao cargo no primeiro turno, Arthur conseguiu conquistar mais votos no segundo turno.

O tucano conquistou no primeiro turno 364.487 votos, um total de 35,17%. Já Marcelo Ramos ficou com aproximadamente 107 mil votos a menos que Arthur. Foram 257.698 um total de 24.86%.

Principais propostas

Arthur determinou à concessionária Manaus Ambiental que integre o seu cadastro de clientes com o do Bolsa Família Federal para concessão da tarifa social da água. E ainda sobre a retirada de processos ajuizados de tributos municipais de até R$ 4,800,00 além da isenção de IPTU para quem tem renda familiar de até três salários mínimos.
Entre as propostas para o próximo mandato, Arthur falou sobre o programa de incentivo aos professores com bom desempenho; implantação de uma política de avaliação de desempenho para fins de progressão na carreira; premiação ao aluno com bom desempenho; e construção de mais de 30 unidades educacionais, entre creches, Cmeis e escolas.

Na zona rural, o prefeito garantiu a abertura de um ramal de 5 km que vai ligar Manaus-Rio Preto da Eva e comunidades vizinhas, para escoar produtos de forma mais eficaz, dar passagem livre para alunos e incentivar o turismo.

Na próxima gestão, Arthur disse a qualidade de vida da Zona Leste vai aumentar. O projeto do Parque Camapuã, que fica entre as Zonas Norte e Leste, por trás do Hospital Francisca Mendes e numa área verde de aproximadamente 300.000 m2, será implantado. Este parque oferecerá uma ampla pista de caminhada, ciclovias, praça de alimentação, pista de skate, inúmeras quadras de futebol, vôlei e basquete.

Ao longo da pista de caminhada serão locados inúmeros playgrounds, academias ao ar livre, quiosques de alimentação, bancos e paraciclos. E, com intuito de poder ter cinema ao ar livre, show de artistas locais e nacionais, assim como zumba e outros eventos, o parque Camapuã será a sede de um grande anfiteatro integrado com a natureza: o Anfiteatro Da Floresta, que se tornará o novo ícone de Manaus.

Outra obra planejada é a praça do Armando Mendes, que será revitalizada e ganhará um calçadão para a caminhada, academia ao ar livre, área para alimentação e reforma do campo de futebol. Além disso, Artur quer colocar em execução o projeto do Parque da Ponta Branca, que terá visão para o Encontro das Águas e nos mesmos moldes da Ponta Negra, com área para balneário e atividades físicas.

Portal EM TEMPO

1 Comment

1 Comment

  1. Vicente Limongi Netto

    30 de outubro de 2016 at 22:01

    Resposta das urnas aos paladinos de meia pataca, aos cretinos e maledicentes de quinta categoria e aos eternos ressentidos e derrotados, da política e da imprensa: chupem cana, otários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir