Sem categoria

Arthur Neto assina contrato e repasse do Banco Mundial chega em dez dias

A cerimônia de efetivação do contrato ocorreu na sede da instituição, em Brasília, e agora, a prefeitura deve receber esse valor no prazo de dez dias - foto: divulgação

A cerimônia de efetivação do contrato ocorreu na sede da instituição, em Brasília, e agora, a prefeitura deve receber esse valor no prazo de dez dias – foto: divulgação

O prefeito Arthur Virgílio Neto garantiu, nesta terça-feira (21), a continuidade da execução dos serviços de infraestrutura na cidade de Manaus, após a liberação dos recursos do Banco Mundial, na ordem de US$150 milhões. A cerimônia de efetivação do contrato ocorreu na sede da instituição, em Brasília, e agora, a prefeitura deve receber esse valor no prazo de dez dias.

Ele explicou que esses recursos serão destinados à realização de obras de infraestrutura voltadas a recuperação da malha viária nos bairros, implantação de drenagem e construção de sarjetas e meio-fio. Os recursos também chegam para dar equilíbrio fiscal ao Município, que perdeu receitas por conta da crise econômica em todo o País.

“Esse trabalho na infraestrutura será intensificado e vamos aproveitar para aperfeiçoar também políticas públicas. Vamos poder investir em mais serviços de asfaltamento e drenagem. Vale lembrar que os recursos que chegam são inferiores a nossa queda de arrecadação. Mesmo assim, garantem que o trabalho não sofra e nem pare. Vamos manter os investimentos”, esclareceu o prefeito.

Após a assinatura final de todo o processo para o repasse da verba, o prefeito relembrou os motivos que atrasaram a liberação do dinheiro e comemorou a parceria com o Banco Mundial. “Tivemos um grande atraso por questões políticas que não foram justas com Manaus. Até mesmo o Banco Mundial ficou surpreso com a demora, mas agora tudo foi resolvido. Sabemos que eles confiam em nosso trabalho. Já foram a Manaus e saber que os recursos serão bem utilizados”, assinalou Arthur Neto.

Martin Raiser, diretor do Banco Mundial no Brasil, ratificou o que disse o prefeito e afirmou que confia no trabalho da Prefeitura de Manaus, que desde o começo sempre mostrou ser bem-intencionada e com capacidade de gerir bem os projetos desenvolvidos. “Acreditamos que esse novo crédito vai ajudar Manaus a realizar reformas que venham permitir que a cidade cresça de forma sustentável economicamente e socialmente, sempre preservando o meio ambiente”, estimou.

Um dos grandes responsáveis pela finalização do processo, o senador Omar Aziz também esteve presente e se disse realizado em cumprir seu dever e poder ajudar a cidade de Manaus. ”Fiz o que é minha obrigação: agilizar o andamento de um processo que se encontrava parado há um ano por questões políticas. Mas saímos vitoriosos com o término desse processo de repasse. Quem ganha é a nossa população”, comemorou o senador.

Os recursos adquiridos pela Prefeitura de Manaus serão pagos em 24 anos, tendo cinco anos de carência e 19 anos para amortização do empréstimo, com juros de 3,85% ao ano. As taxas de remuneração desse capital se apresentam bem abaixo do mercado porque o objetivo do Banco Mundial é aplicar os seus recursos de forma a erradicar a pobreza e buscar o desenvolvimento econômico dos países.

Também estiveram presentes à assinatura da liberação da verba a procuradora da Fazenda Nacional, Fabíola Saldanha e o coordenador geral do Banco Mundial, Boris Utria.

Mais recursos

A Secretaria Municipal de Finanças, Tecnologia da Informação e Controle Interno (Semef) está em andamento com outros projetos de captação de recursos internacionais. Hoje, os projetos estão sendo analisados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e pela Comissão Andina de Fomento (CAF) e Banco do Brasil.

“Uma vez que a Prefeitura de Manaus se encontra com suas finanças equilibradas, temos condições de buscar recursos juntos a essas instituições como alternativas de driblar esse momento de recessão. Nosso crédito junto às instituições é grande”, explicou Ulisses Tapajós, secretário municipal de finanças.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir