Política

Arthur Neto apresenta metas do município para 2015

Os avanços em áreas como infraestrutura, saúde, educação e transporte foram destacados pelo prefeito Arthur Virgílio, que também anunciou alguns projetos a serem implantados na cidade - foto: divulgação/ Semcom

Os avanços em áreas como infraestrutura, saúde, educação e transporte foram destacados pelo prefeito Arthur Virgílio, que também anunciou alguns projetos a serem implantados na cidade – foto: divulgação/ Semcom

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, apresentou, na manhã desta quinta-feira (7), as principais metas a serem cumpridas por sua administração para este ano de 2015. Entre as medidas anunciadas, está a aceleração do programa de obras, com a contratação mil trabalhadores terceirizados. Segundo o prefeito, as obras não param nem no período de chuvas. “Para nós, é assim: quando não chove, é verão”, afirmou, durante entrevista a uma emissora de rádio local.

“Nossa visão é de que mesmo no inverno é possível trabalhar muito. E este ano isso se confirmou. Percebemos que dá para avançar muito, mesmo no período de chuvas”, avaliou o prefeito.

De janeiro a abril, foram 2.788 ruas atendidas pela operação Tapa-Buracos, em 65 bairros da capital. Foram mais de 10 mil metros de drenagem profunda e 4.192 metros quadrados de calçadas e passeios públicos recuperados, além da limpeza e reforma de 1.290 caixas coletoras.
Ainda sobre infraestrutura, Arthur destacou o início das obras de revitalização do centro histórico, principalmente o projeto da nova Eduardo Ribeiro, orçado, inicialmente, em R$ 6 milhões. Os recursos utilizados virão do Fundo Municipal de Desenvolvimento Urbano (FMDU), vinculado ao Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb).

“Vamos resgatar as pedras de lióz e paralelepípedos, recuperando a beleza histórica da avenida. Também vamos ter iluminação a LED, rever calçadas, canteiros e aqui faço um apelo para que os comerciantes revejam suas fachadas”, pontuou o prefeito de Manaus. Ainda no centro histórico, a Prefeitura de Manaus está concluindo os processos de licitação para iniciar as obras das praças da Matriz, Adalberto Vale e Tenreiro Aranha, além do entorno do mercado Adolpho Lisboa, todos projetos incluídos no PAC Cidades Históricas e que já estão com recursos aprovados na Caixa Econômica Federal.

Outro projeto destacado e que será inaugurado nas primeiras semanas de junho é o Espaço Verde na Comunidade. A primeira ação do programa, que prevê a recuperação de áreas verdes degradas, está sendo concluída na comunidade Campo Dourado, no bairro Cidade Nova, Zona Norte.

“Além de recuperar o verde, o projeto também instala aparelhos sociais de esporte e lazer para que a população se integre ao meio ambiente”, explicou o prefeito. “No Campo Dourado, por exemplo, teremos quadra de areia, academia ao ar livre, pista de caminhada, playground, entre outras opções de entretenimento para os moradores da localidade”, completou.

Na área da saúde, além das 24 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) já entregues, ainda em maio mais três serão inauguradas, uma no bairro Novo Aleixo, outra no Mutirão e a UBS Nilton Lins, totalizando 27 unidades.

Avanços apesar da crise atual

A favor da proposta de terceirização, em debate no Congresso Nacional, o prefeito Arthur Neto anunciou que a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) vai contratar mil empregados terceirizados para intensificar as obras na capital. “Falam muita coisa equivocada sobre a terceirização, que vai acarretar em precarização trabalhista. É uma falsa propaganda de quem não conhece economia”, defendeu.

Arthur disse que é preciso trabalhar com todas as alternativas a favor do município para, mesmo com a crise econômica, continuar avançando. “Vou me reunir com o grupo de secretários que fazem parte do projeto Organiza Manaus para priorizarmos nossas ações, sem trazer prejuízo aos serviços prestados à sociedade. Amanhã (hoje) devo conversar também com o governador José Melo para normalizarmos a nossa parceria financeira”, revelou.

Entre outras ações voltadas para geração de emprego e renda, a prefeitura pretende inaugurar, até o fim do mês de maio, o Banco Comunitário do Mauazinho – o Banco Mauá. A Secretaria Municipal de Trabalho, Empreendedorismo, Abastecimento, Feiras e Mercados (Semtef) retomará as atividades do Circuito do Trabalho na primeira quinzena de junho.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir