Sem categoria

Arena da Amazônia deve receber Brasil e Colômbia pelas Eliminatórias da Copa 2018

Arena da Amazônia foi palco de 4 jogos da Copa do Mundo 2014 – foto: divulgação

Arena da Amazônia foi palco de 4 jogos da Copa do Mundo 2014 – foto: divulgação

Em setembro, a Arena da Amazônia deve receber o jogo entre Brasil e Colômbia, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. A partida, ainda sem data definida, pode ser a primeira da seleção principal em Manaus, desde a construção do estádio para a Copa do Mundo de 2014. As informações foram divulgadas pelo jornalista Marcel Rizzo, do UOL.

A facilidade no deslocamento de Quito, no Equador, onde a Seleção Brasileira deve encarar os equatorianos como visitante em setembro, é um dos fatores que colocam Manaus na rota mais provável do Brasil nas eliminatórias. Outro fator positivo foi o desempenho da Arena da Amazônia durante a Copa do Mundo de 2014 e ainda durante os amistosos da seleção olímpica brasileira em outubro o ano passado.

Conforme o titular da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), Fabrício Lima, há uma negociação para que Manaus receba uma partida das eliminatórias da Copa do Mundo, no entanto, não foi fechado ainda se será contra a Colômbia ou com outra seleção.

“Além de Manaus, outras capitais estão na promessa de receber a partida. Quem está negociando isso é a própria Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e a Federação Amazonense de Futebol (FAF), entretanto, estamos confiantes que vamos receber esse jogão”, disse.

Já o diretor de competições da FAF, Ivan Guimarães, afirmou que existe a possibilidade, por parte da entidade, de ter jogo sim, porém, não soube precisar se será contra a Colômbia. “Nós da FAF estamos confiantes. Manaus terá uma partida sim, só não sabemos contra quem, mas tudo leva a crer que será contra a Colômbia pela questão da logística”, afirmou.

A coluna do jornalista Rizzo destaca a crítica da logística nos jogos contra Uruguai, no Recife, e Paraguai em Assunção, tanto que a seleção parou para treinar em Viamão, na região metropolitana de Porto Alegre — faria mais sentido, por exemplo, ter se preparado no Paraná, que está mais próximo ao Paraguai.

Por Lindivan Vilaça

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir