Economia

Aposentados do Amazonas voltam ao trabalho para driblar crise

Pessoas idosas que estão aposentadas precisam retornar ao mercado de trabalho para ganhar renda extra e ajudar no orçamento familiar – foto: divulgação

Pessoas idosas que estão aposentadas precisam retornar ao mercado de trabalho para ganhar renda extra e ajudar no orçamento familiar – foto: divulgação

A crise econômica do país “pegou em cheio” os aposentados e pensionistas do Amazonas, que veem o seu poder aquisitivo diminuir com o aumento dos preços dos produtos e serviços. Eles se queixam do custo de vida alto que não dá mais para ser mantido apenas com o benefício na atual situação.

“O aposentado está em crise, pois o governo paga menos que a inflação. Nós contribuímos a vida toda e quando nos aposentamos somos discriminados. A qualidade de vida de uma pessoa que se aposenta cai para zero”, afirma o presidente da Associação dos Aposentados e Pensionistas do Estado do Amazonas (Aapeam), José Araújo, ao ressaltar que há quase 155 mil aposentados no Amazonas.

Segundo Araújo, os produtos básicos vêm aumentando todo mês, porém os aposentados continuam a receber um valor inferior as necessidades.

Desaposentação

Na busca por um ganho melhor muitos aposentados optam pela desaposentação, ou seja, renunciam a uma aposentadoria na busca de outra que seja mais vantajosa. No entanto os beneficiários, também, sentem dificuldades para ter esse direito garantido. “A Previdência Social não reconhece a desaposentação no Amazonas. Quase 2mil aposentados da associação estão com processos no Supremo Tribunal Federal (STF), aguardando uma decisão. Muitos já conseguiram ganhar, mas ainda resta uma grande quantidade de aposentados”, afirma.

Araújo orienta que os aposentados que precisam de auxílio podem procurar a associação no edifício Ana Rosa, rua do comércio 2, Parque 10, Zona Centro-Sul.

Renda

Ainda não há um entendimento consolidado sobre a possibilidade ou não da renúncia e troca por um valor mais vantajoso. Se por um lado é constitucional a busca por rendimentos, por outro, o Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) é contra essa possibilidade de ajuste em função dos impactos que teriam nos cofres públicos.

A aposentada Dora Maria da Costa Paixão afirma que tem sido difícil se manter apenas com a aposentadoria. Ela explica que para ter uma renda extra precisa vender algumas guloseimas como bolo, pudim e salgadinhos. “As contas de energia e água estão mais caras. Tenho ajuda de alguns familiares, mas é pesado o custo de vida”, revela.

Por Asafe Augusto

Pessoas idosas que estão aposentadas precisam retornar ao mercado de trabalho para ganhar renda extra e ajudar no orçamento familiar – foto: divulgação

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir