Dia a dia

Após uma semana internado, morre pedreiro que caiu de janela de hospital, em Manaus

O pedreiro chegou a ficar internado por uma semana no Hospital e Pronto Socorro João Lúcio, Zona Leste, mas não resistiu aos ferimentos - foto: divulgação

Araldo ficou internado uma semana depois que caiu da janela do primeiro andar do SPA Danilo Correa – foto: divulgação 

Após cair da janela do primeiro andar do Serviço de Pronto Atendimento (SPA) Danilo Correa, o pedreiro Araldo Melo de Castro, de 51 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu na manhã de ontem (28). Ele chegou a ficar internado por uma semana no Hospital e Pronto Socorro João Lúcio, Zona Leste de Manaus.

De acordo com os familiares, Araldo foi transferido para o local pois estava apresentando complicações intestinais.

Por meio de nota, a direção do SPA Danilo Correa Araldo Castro informou que a vítima morreu às 10h de quinta-feira (28). De acordo com o Instituto Médico Legal (IML), as causas da morte são trauma abdominal, choque cárdio gênico e poli transfusão.

A direção do hospital também informou que o paciente mencionado pela reportagem deu entrada na unidade no último dia (19) de abril.  O paciente apresentou histórico de epilepsia (sem tomar medicação há 1 mês) e dependência alcoólica (quadro de abstinência), além de quadro de infecção urinária. Durante a internação permaneceu acompanhado do filho.

Na madrugada do dia (21), acompanhado do filho, teria sido levado ao banheiro que fica fora da enfermaria, onde estava internado. Pouco tempo depois, o filho acionou a equipe de atendimento informando que o pai havia caído de uma das janelas do salão do primeiro andar.

O paciente recebeu os primeiros socorros da equipe da unidade, que solicitou sua remoção para o Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio. A Secretaria Estadual de Saúde já determinou que a direção da unidade proceda a abertura de sindicância para apurar todas as circunstâncias do ocorrido.

 

Por Equipe EM TEMPO Online

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir