Esportes

Após três derrotas, Palmeiras goleia o Flamengo em casa e volta ao G-4

Na última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras reencontrou o caminho das vitórias e bateu o Flamengo por 4 a 2, em partida realizada no Allianz Parque, em São Paulo.


O triunfo pôs fim a uma sequência de três derrotas -Atlético-PR, Cruzeiro e Coritiba- da equipe comandada por Marcelo Oliveira .
O Palmeiras saiu na frente com o zagueiro Jackson, aos 5 minutos do primeiro tempo, mas o Flamengo conseguiu a virada com dois gols do meia Ederson, aos 5 e 11 minutos da etapa complementar.
Atrás no placar, o time alviverde foi para o ataque e conseguiu empatar em gol contra de Samir, que desviou cabeceio de Cleiton Xavier, aos 13 minutos. Os gols que deram a vitória à equipe palmeirense foram anotados por Dudu e Alecsandro, respectivamente, aos 20 e 25 minutos.
O Flamengo reclamou de dois pênaltis não marcados pelo árbitro na etapa inicial. O primeiro de Andrei Girotto em Pará e o segundo de Fernando Prass em Guerrero.
Com esse resultado, o Palmeiras chega a 31 pontos e assume a quarta posição, enquanto o Flamengo conhece dua décima derrota do Brasileiro, permanecendo com 23 e caindo para a 13ª colocação.
Na abertura do segundo turno, o Palmeiras viaja a Belo Horizonte para enfrentar o Atlético-MG, domingo, às 18h30, enquanto o Flamengo recebe o São Paulo no Maracanã, também no domingo, às 16h. Para este confronto o técnico Cristóvão Borges não poderá contar com o volante Jonas e o lateral Jorge, suspensos pelo terceiro cartão amarelo.
O JOGO
A partida começou bastante disputada no meio campo, com as equipes marcando em cima e sem dar espaços para a criação.
Com a bola parada, uma das principais forças do Palmeiras, o time comandado por Marcelo Oliveira abriu o placar logo aos 5 minutos. Zé Roberto cobrou escanteio da esquerda e Jackson subiu mais que a zaga para testar firme e marcar o primeiro gol do jogo.
O Flamengo teve a chance de empatar aos 16 minutos. Jackson dominou mal, Guerrero roubou a bola, passou por Fernando Prass e caiu na área pedindo pênalti. Mas o árbitro mandou seguir.
No lance seguinte o time rubro-negro voltou a levar perigo. Jonas pegou a sobra de bola e arriscou da intermediária. A bola desviou em Arouca e quase encobriu o goleiro Fernando Prass, que espalmou para escanteio.
Aos 21 minutos, novamente com Guerrero, o Flamengo teve outra chance de empatar, após escanteio cobrado na área e cabeceio firme do peruano. Fernando Prass espalmou.
O Flamengo voltou dos vestiários com a marcação adiantada e sufocando a saída de bola do Plameiras.
Logo aos 5 minutos, Emerson assistiu Ederson, que passou por Jackson e bateu firme. A boa desviou em Vítor Hugo e tirou qualquer chance de defesa de Fernando Prass.
O Flamengo teve nova chance de gol aos 9 minutos. Guerrero lançou Pará na ponta direita, que rolou para Emerson Sheik chutar forte e a bola explodir no travessão.
A pressão flamenguista deu resultado e o time carioca conseguiu a virada aos 11 minutos. Após escanteio cobrado na área, Ederson subiu sozinho para fazer seu segundo gol.
Atrás no marcador, o Palmeiras foi para cima e conseguiu o empate aos 13 minutos. Arouca tocou para o meio da área, Cleiton Xavier finalizou de cabeça e a bola desviou em Samir e foi para o fundo do gol.
A virada palmeirense aconteceu aos 20 minutos. Zé Roberto tocou em Alecsandro na referência. O centroavante fez o pivô e rolou para Dudu que bateu forte, sem chances para César.
O quarto gol palmeirense foi marcado por Alecsandro, que pegou sobra de bola na área e bateu no canto esquerdo, aos 25 minutos. Este foi o primeiro gol do camisa 90 pelo Palmeiras.
O Flamengo ainda tentou diminuir a vantagem palmeirense, principalmente em chutes de média distância, mas os arremates não levaram perigo ao goleiro Fernando Prass.

PALMEIRAS
Fernando Prass; Lucas (Lucas Taylor), Vitor Hugo, Jackson e Zé Roberto; Arouca e Andrei Girotto; Rafael Marques, Robinho (Cleiton Xavier) Dudu; Alecsandro (Kelvin).
T.: Marcelo de Oliveira.
FLAMENGO
César; Pará, César Martins, Samir (Marcelo) e Jorge; Márcio Araújo, Jonas (Ederson), Éverton e Alan Patrick; Emerson e Guerrero.
T.: Cristóvão Borges.
Estádio: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Árbitro: Igor Junio Benevenuto (MG)
Assistentes: Fabio Pereira (TO) e Bruno Boschilia (PR)
Renda e público: R$ 2.908.585 e 37.739 pagantes
Cartões amarelos: Lucas e Lucas Taylor (P); Jonas e Jorge (F)
Gols: Jackson, aos 5min do 1º tempo; Ederson, aos 5min e aos 11min, Samir (contra), aos 13min, Dudu, aos 20min, e Alecsandro, 25 min do 2º tempo

 

Por Folha Press

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir