Dia a dia

Após se envolver em briga no Novo Aleixo, homem é estrangulado por padrasto

O caso foi registrado no 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP) - foto Arthur Castro

O caso foi registrado no 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP) – foto Arthur Castro

Eraldo Palheta Passos Filho, 26, foi morto estrangulado, pelo próprio padrasto, identificado como Manoel Truvides, após se envolver em uma briga de rua. O crime ocorreu na tarde dessa quinta-feira (12), na rua Jericó, bairro Novo Aleixo, Zona Norte de Manaus.

Segundo informações da polícia, a vítima estava consumindo bebidas alcoólicas em uma feira, quando iniciou uma discussão com o cabeleireiro Fausto Andrade Aragão. Durante a discussão, a vítima foi agredida com uma pedrada na cabeça.

Eraldo se revoltou e foi até à residência onde morava, localizada no mesmo bairro, com intenção de pegar uma faca para se vingar do agressor. No entanto, o padrasto dele, vendo na situação em que estava, o impediu de sair da residência.

De acordo com a equipe da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), o irmão da vítima, que não teve o nome divulgado, presenciou o crime, e informou que o padrasto pegou uma cortina e enrolou no pescoço da vítima até ele ficar inconsciente.

O irmão da vítima pensou que ele estava somente desmaiado e acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que ainda levou o rapaz para o Hospital Platão Araújo, na Zona Leste de Manaus, porém, ele já chegou morto.

O padrasto e o cabeleireiro que agrediu a vítima com pedra se apresentaram no 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP). Eles deveram ser indiciados por homicídio doloso (quando não há a intenção de matar). O caso foi transferido para a DEHS, que irá apurar melhor as circunstâncias dos fatos.

Por Mara Magalhães

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir