Sem categoria

Após roubo, trio que invadiu casa de desembargador é preso na Zona Oeste de Manaus

Trio preso_Desembargador_foto_Josemar Antunes_16-07-15

O trio invadiu a casa do desembargador no dia 23 de junho deste ano, e deste então estavam sendo investigados por diversos roubos na cidade – foto: Josemar Antunes

Os assaltantes, Bruno Coelho Costa, 21, o ‘Bruninho’, Gleison dos Santos, 30, e Mayk Pereira da Cunha, 18, o ‘Maykinho, suspeitos de invadirem a casa do desembargador Sabino Marques, foram presos após roubo na tarde da última quarta-feira (15), em locais distintos da Zona Oeste de Manaus.

A prisão dos três criminosos aconteceu por meio do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) da Polícia Civil, coordenado pelo titular, delegado Rafael Allemand.

O primeiro a ser preso foi Gleison por volta do meio-dia, nas dependências de um estabelecimento comercial, situado na avenida Torquato Tapajós. Bruno foi capturado por volta das 13h, na residência dele, localizado na rua Santo Antônio. Enquanto Mayk foi preso por volta das 13h20, rua não revelada. Ambas as prisões ocorreu na comunidade Carlinhos da Carbrás, bairro Parque São Pedro.

De acordo com o diretor do DRCO, delegado Rafael Allemand, o trio que invadiu a casa do desembargador no dia 23 de junho deste ano, e deste então estavam sendo investigados por diversos roubos na cidade. No dia do assalto, os criminosos aproveitaram-se da oportunidade no momento em que o imóvel passava por obras. Depois do roubo, o carro modelo Sandero, cor prata, placas NOZ-7709, dois televisores, uma máquina fotográfica, e a quantia de R$ 800 em dinheiro, além de três celulares foram levados.

“O portão da casa estava aberto durante as obras e em seguida eles invadiram e efetuaram o roubo. A partir daí, as investigações tiveram inícios após termos as imagens recolhidas de outras residências do local. Dessa forma, conseguimos identificar o condutor (Gleison) do carro levado e pertencente ao desembargador que foi utilizado no dia do crime”, explicou o delegado.

Com os três assaltantes, os policiais recuperaram alguns produtos de roubo – uma máquina fotográfica, três televisores LCD (32, 42 e 47 polegadas), um colete balístico da Polícia Civil, dinheiro (quantia de mil reais levado do posto de gasolina), além do veículo do desembargador recuperado nesta quinta-feira (16), no quilômetro 28, na estrada que liga o município de Presidente Figueiredo à Balbina.

Ainda de acordo com o delegado, na manhã de quarta-feira (15), o trio havia realizado o roubo de uma picape, veículo modelo Saveiro, cor cinza, placas NOY-5533, na avenida Torquato Tapajós, bairro Flores, Zona Centro-Sul. Após duas horas, o carro foi recuperado e devolvido ao proprietário.

Depois de abonar a picape, o trio em um veículo modelo Corsa Classic, cor branca, placas NOX-6775, armados de revolveres, renderam funcionários de um posto de combustível, situado na rua Conde Sergimirim, conjunto Parque das Laranjeiras, levando da loja de conveniência cerca de R$ 10 mil.

O delegado ressaltou ainda, que no último dia 13 de julho deste ano, o trio abordou e roubou um empresário, que estava no veículo modelo picape L200, cor prata, placas NOQ-9656, no momento em que estava saindo de uma balsa, localizado no bairro São Raimundo. O veículo e a quantia de R$ 2 mil em espécie não foi recuperdo.

Investigação

Após o roubo ao posto de combustível, o delegado mostrou imagens para os funcionários do estabelecimento comercial, sendo todos os três homens reconhecidos.

Diante das informações, o delegado efetuou a prisão dos criminosos em suas residências. Na ocasião, um veículo modelo Corsa Classic, pertencente a Gleison, que era utilizado nos roubos foi apreendido.

Conforme a DRCO, Bruno tinha mandado em aberto pelo crime de roubo pela Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações. Todos os três criminosos têm passagem pela polícia por roubo e tráfico de drogas e foram autuados por crime de roubo majorado e organização criminosa.

Após os procedimentos de polícia, o trio será encaminhado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro da capital amazonense, onde aguardarão a decisão da Justiça.

 

Por Josemar Antunes

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir