Política

Após reeleição, prefeito de Atalaia do Norte é ‘ameaçado’ e sofre tentativas de ‘intimidação’, diz assessor

Entre as manifestações feita pelo grupo contrario foi feito um panelaço pelas ruas da cidade - foto: divulgação

Entre as manifestações feita pelo grupo contrario foi feito um panelaço pelas ruas da cidade – foto: divulgação

Após ser reeleito no último domingo (2), o prefeito do município de Atalaia do Norte (a 1.136 quilômetros de Manaus), Nonato do Nascimento Tenazor (PDT), vem sofrendo ameaças por parte da coligação do candidato Giuliano Galate (PMDB), que ficou em segundo lugar na disputa.

A informação é do assessor do prefeito, Nailson Tenazor, segundo o qual, logo após sair o resultado das eleições, a coligação do candidato que ficou em segundo lugar no pleito se revoltou, alegando que houve fraude no resultado e que duas urnas haviam sido roubadas.

“Logo após o resultado das eleições a coligação do candidato Giuliano Galate, começou a intimidar o Nonato e toda a sua equipe. Eles não aceitaram a derrota e alegam que duas urnas foram roubadas. Chegaram a fazer um abaixo assinado e levaram para o fórum do município, mas não foram atendidos.  Eles realizaram panelaço na cidade e tentaram invadir a casa do prefeito na manhã de ontem, mas, felizmente, não conseguiram, pois a polícia agiu rápido”, disse Nailson Tenazor.

Ainda conforme o assessor, o clima na cidade é de insegurança. “Estamos em total insegurança, não sabemos o que eles estão planejando fazer contra o prefeito. Ontem à noite, a prefeitura foi arrombada e entraram na sala do jurídico, mas aparentemente não levaram nada, creio que só foi uma forma de intimidação”, conclui o assessor.

Nailson Tenazor, ainda informou que o caso sobre as ameaças já foi registrado na Delegacia no 50º Distrito Integrado de Polícia (DIP) do município.

Conforme a Polícia Militar, devido às ameaças, foi preciso pedir reforço da PM de Benjamin Constant, para ajudar a conter os ânimos na cidade.

Em nota, a PM informou que, por medidas de segurança, o efetivo do município vizinho continua em Atalaia do Norte, para qualquer eventualidade.

Por Mara Magalhães

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir