Política

Após gravação pedindo R$ 2 milhões, Aécio diz estar tranquilo

Segundo os executivos da JBS, a quantia foi entregue a um primo do tucano, em ação filmada pela PF – foto: Divulgação

O senador Aécio Neves divulgou nota nesta quarta-feira (17) dizendo estar “absolutamente tranquilo quanto à correção de todos os seus atos”. Sobre a relação com Joesley Batista, o senador afirma ser “estritamente pessoal, sem qualquer envolvimento com o setor público”.
Aécio disse ainda que espera o acesso às informações da delação para “prestar todos os esclarecimentos necessários”.

O senador tucano foi gravado pedindo R$ 2 milhões a Joesley e que a quantia foi entregue a um primo do tucano, em ação filmada pela PF, segundo informação publicada na noite dessa quarta (17) pelo colunista Lauro Jardim, do jornal “O Globo”, e confirmada pela Folha de S.Paulo.

Segundo os executivos da JBS, a quantia foi entregue a um primo do tucano, em ação filmada pela PF. A gravação que supostamente compromete o senador Aécio Neves tem 30 minutos e foi entregue à Procuradoria-Geral da República (PGR). Deve integrar acordo de delação premiada, que aguarda homologação do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin.

FolhaPress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir