Dia a dia

Após denúncia, suspeito de homicídio é preso ao dar entrada no SPA do Galileia

Leandro foi autuado pelo crime de homicídio. Após os procedimentos cabíveis, será encaminhado para a Cadeia Pública - foto: divulgação/PC

Leandro foi autuado pelo crime de homicídio. Após os procedimentos cabíveis, será encaminhado para a Cadeia Pública – foto: divulgação/PC

Leandro Santos de Almeida, 20, conhecido como ‘Abacaba’, foi apresentado na manhã desta sexta-feira (8), na sede da Delegacia Geral, na Zona Oeste da cidade, como autor da morte de Erivelton Santos da Costa, 20, ocorrida no dia 20 de julho de 2015, bairro Jorge Teixeira Zona Leste de Manaus.

O homem foi preso na última terça-feira (5), por volta das 14h30, após denúncias anônimas, informando que o suspeito tinha dado entrada com ferimentos de arma de fogo no Serviço de Pronto Atendimento (SPA) no bairro Galileia, avenida Samaúma, bairro Monte das Oliveiras, Zona Norte da capital.

Após a denúncia, uma equipe do 30º Distrito Integrado de Polícia (DIP), coordenada pelo delegado Raphael Campos, foi ao local e efetuou a prisão do suspeito. O homem foi ferido com tiros de uma espingarda calibre 12, por um grupo de traficantes rivais.

De acordo com o titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), no dia da morte de Erivelton, Leandro e um comparsa identificado como Maike David Reis Cavalcante, 22, que já está preso, foram até a residência da vítima e efetuaram 11 disparos contra o jovem.

“O crime foi motivado por vingança, já que Erivelton teria tentado matar Maike, por dívida relacionada ao tráfico de drogas”, disse Ivo Martins.

Leandro foi autuado pelo crime de homicídio. Após os procedimentos cabíveis, será encaminhado para a Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoal, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Por Mara Magalhães

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir