Sem categoria

Após briga, homem é morto a facadas em Eirunepé

Em luta corporal Francisco Eliã Rodrigues não resistiu aos ferimentos e morreu - foto: divulgação

Em luta corporal Francisco Eliã Rodrigues não resistiu aos ferimentos e morreu a caminho do hospital – foto: divulgação

Francioney Menezes Pedrosa, conhecido como ‘Nego’, 22, foi preso em flagrante por policiais militares da 1ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), pelo assassinato de Francisco Eliã Rodrigues da Costa, o ‘Dão’, 23. O fato ocorreu na noite de sábado (16), próximo à ponte da rua Julieta Albuquerque, bairro Santo Antônio, no município de Eirunepé (a 1.160 quilômetros de Manaus).

Policiais militares atenderam a ocorrência por volta das 21h. Segundo eles, uma denúncia anônima dava conta de uma briga entre dois homens. Durante a luta corporal, ‘Dão’ e ‘Nego’ se esfaquearam. Bastante feridos, os dois homens foram levados ao Hospital Regional Vinícius Conrado de Eirunepé, mas ‘Dão’, não resistiu aos ferimentos. Já ‘Nego’, depois de passar por cirurgias, encontra-se hospitalizado e está sob a custódia da polícia do município.

A polícia informou que ‘Nego’ havia esfaqueado o irmão de ‘Dão’, conhecido como ‘Peca’. Na noite de sábado, ‘Dão’ se armou de uma faca e desferiu dois golpes de facão nas costas e outro no braço de ‘Nego’. Mesmo ferido, ‘Nego’ conseguiu tomar a faca e desferir seis golpes no corpo de ‘Dão’, que atingiu as costas, pescoço e ombro. O facão usado no crime foi apreendido.

“Mesmo com a atuação rotineira de 15 policiais militares, durante o patrulhamento ostensivo e abordagens não foi possível evitar o crime. Infelizmente, ‘rixas antigas’ e a ‘cultura de faca’ são resolvidas na brutalidade, como foi o caso desse crime. É necessário educar e fazer um trabalho muito grande de conscientização para resolução de problemas pelos meios legais, através da Justiça, e não fazer ‘justiça com as próprias mãos’”, destacou o comandante da 1ª CIPM, major Pedro Moreira.

 

Por Josemar Antunes

 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir