Dia a dia

Após briga familiar, homem entra em conflito com a polícia e é morto no Iranduba

O corpo de Mayke será removido pelo Instituto Médico Legal (IML) - foto: Luís Henrique

O corpo de Mayke foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML) e trazido para a sede do orgão- foto: Luís Henrique

Um homem identificado como Mayke Costa Rodrigues, 31, foi morto na madrugada desta segunda-feira (15), após esfaquear um policial militar durante uma abordagem, no município de Iranduba (a 27 quilômetros de Manaus).

O crime ocorreu por volta das 4h, na rua Rio Madeira, no Centro do município. O pai da vítima, Jucelino Pinto Paz, 60, conta que estava em sua residência quando acordou com um cheiro forte e percebeu que o filho estava consumindo entorpecentes. Jucelino repreendeu Mayke, pedindo para que ele parasse de usar a droga, pois como estava com problemas respiratórios, não podia inalar aquela fumaça.

Após ser reprendido pelo pai, Mayke ficou irritado e pegou uma faca para tentar esfaquear o homem. Eles ainda chegaram a travar luta corporal, mas Mayke acabou fugindo.

A partir daí, segundo o comandante Fabrício Vieira da 8ª Companhia Independente de Polícia Militar (8ª CIPM) de Iranduba, o homem foi para frente da feira do município, onde tentou roubar dois carros, sendo um deles modelo S10, mas tentativa foi sem êxito.

“No carro S10, ele ainda conseguiu tirar o condutor de dentro do veículo, mas não conseguiu ligar o carro. Depois tentou roubar outro. Nesse, ele ainda desferiu uma terçadada no automóvel. Ele estava transtornado”, disse o comandante.

Ainda conforme o comandante da 8ª CIPM, após tentar roubar os veículos o homem fugiu a pé na direção de um terreno e a polícia começou a persegui-lo. “O cabo Gama teria atirando para cima na tentativa de fazer Mayke parar, mas ele reagiu e foi na direção do PM, desferindo um golpe de faca e efetuando um tiro. Devido a isso, o policial revidou e atirou no suspeito, que ainda tentou correr, mas caiu em um buraco e morreu no local”, disse.

Já a perícia do Instituto Criminalística (IC) informou que nenhuma arma de fogo foi encontrada com a vítima, somente uma faca. O policial militar foi levado para o Hospital e Pronto Socorro 28 de agosto, na Zona Centro-Sul de Manaus.

O corpo de Mayke foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML), onde irá passar por exames de necropsia. Após os procedimentos, será levado novamente para o município de Iranduba, onde será velado pela família.

Por Mara Magalhães

Colaborou Luís Henrique

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir