Filmes

Após ataque hacker, Sony tenta dar a volta por cima em filme com Jack Black

O autor aprovou a ideia e encontrou o ator Jack Black ('Escola de Rock'), responsável pela sua caracterização no filme, em Nova York- foto: divulgação

O autor aprovou a ideia e encontrou o ator Jack Black (‘Escola de Rock’), responsável pela sua caracterização no filme, em Nova York- foto: divulgação

Depois de um 2014 marcado por ataques de hackers, documentos vazados e mudanças no alto comando, a Sony Pictures, um dos estúdios mais poderosos de Hollywood, tenta seguir em frente com o retorno de um evento de apresentação dos seus novos projetos em Cancún, México, e o investimento em novas franquias.

A primeira delas foi mostrada para cerca de 80 exibidores e 150 jornalistas do mundo inteiro, neste sábado (13): ‘Goosebumps – Monstros e Arrepios’, adaptação dos livros de terror infanto-juvenil criados pelo escritor americano R. L. Stine que já venderam cerca de 350 milhões de cópias no mundo todo -no Brasil, a série saiu incompleta inicialmente pela editora Abril e depois foi retomada, em 2006, pela Fundamento- e virou série de TV entre 1995 e 98.

O filme, no entanto, não adapta nenhum dos livros de Stine de maneira especifica. “Os livros não possuem um personagem central, então o produtor Neal Moritz e a Sony vieram com a ideia de metalinguagem para o filme, usando o próprio Stine como protagonista e os monstros como manifestações reais dos livros que ele escreveu”, explicou o diretor Rob Letterman (‘Monstros vs. Alienígenas’) em entrevista para a imprensa mundial.

O autor aprovou a ideia e encontrou o ator Jack Black (‘Escola de Rock’), responsável pela sua caracterização no filme, em Nova York. “Foi esquisito, nos encontramos em seu sótão que parecia ter saído de um filme de Harry Potter”, brincou Black, que não usou o escritor como molde para o personagem.

“Eu já tinha criado a voz dele dentro de mim antes mesmo de encontrá-lo. Quando o conheci, vi que não tinha nada a ver com minha versão e falei: ‘Não vou fazer você’.”

Segundo o cineasta, Stine já viu um corte do filme e aprovou a adaptação. “Ele mandou um e-mail muito gentil. Era importante ter sua benção”, contou Letterman.

‘Goosebumps – Monstros e Arrepios’ tem uma premissa parecida com a de ‘Coração de Tinta’, trilogia literária de Cornelia Funke adaptada para o cinema em 2008. Recém-mudado para uma cidade pequena, o garoto Zach (Dylan Minnette) se envolve com a vizinha (Odeya Rush), mantida isolada pelo estranho pai vivido por Black. Um acidente -e a ajuda de um boneco de ventríloquo- faz com que os meninos libertem todos os monstros criados por Stine -do Louva-a-deus gigante ao monstros de sangue que estrelou quatro dos livros reais.

“Hoje em dia podemos fazer tudo com efeitos e outras metodologias. Usamos bonecos, mistura de efeitos especiais e atores reais. Mas algumas criações precisaram ser todas computadorizadas, porque não dá para criar um louva-a-deus de seis metros”, explicou o diretor. “É um roteiro divertido e assustador ao mesmo tempo que vou poder mostrar para meus filhos de 7 e 9 anos”, disse o ator. “Existe algo de cool em ver um filme de terror quando você é pequeno. Se você consegue chegar até o fim, se sente mais corajoso.

O filme está previsto para estrear no Brasil em 22 de outubro.

(*) O jornalista Rodrigo Salem viajou a convite da Sony Pictures

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir