Economia

Anamã abre processo seletivo para professor rural com salário de R$ 1,4 mil

O prefeito de Anamã, Francisco Nunes Bastos (PMN), publicou no Diário Oficial do Município (DOM) desta segunda-feira (16), o edital para o Processo Seletivo Simplificado para a contratação de 75 professores para a rede municipal de educação pelo período de 10 (dez) meses com salário de R$ 1.494,95 com jornada de trabalho de 20h semanais. As vagas são exclusivas para as comunidades rurais do município.

São 59 vagas para professor de 1º ao 5º ano com formação em Normal Superior ou Pedagogia com habilitação em Magistério. Para profissionais com Deficiência são 04 (quatro) vagas para 1º ao 5º ano. Para professor de Língua Portuguesa do 6º ao 9º ano são 06 (seis) vagas, e outras 06 (seis) vagas para professor de Matemática do 6º ao 9º ano.

“Nós estamos organizando a Prefeitura de Anamã, prioritariamente, com ações essenciais na Saúde, Educação e Infraestrutura. Este processo seletivo é nosso compromisso com a valorização dos profissionais de Anamã”, afirmou o prefeito Francisco Nunes Bastos.

O resultado dos selecionados será divulgado no dia 27 de janeiro na sede da Prefeitura e o resultado final, após análise dos recursos, no dia 1º de fevereiro. A convocação dos aprovados será no dia 2 de fevereiro.

As inscrições são gratuitas e iniciam nesta segunda-feira (16) e seguem até a sexta-feira (20). O candidato precisa ser maior de 18 anos e ter, no mínimo, nível superior em Magistério com licenciatura plena em Português ou Matemática. O formulário de inscrição está disponível na sede da Prefeitura de Anamã, localizado na Rua Álvaro Maia, nº 38, Sala da Secretaria Municipal de Educação.

“A seleção do professor será por título. Quem tiver mais experiência terá mais chances de ser selecionado. No ato da inscrição o candidato precisa ter conhecimento que as vagas são para a zona rural e ter disponibilidade de residir na comunidade”, explicou o secretário de Educação, Juscelino Bastos.

Prova de títulos

Na análise de prova de títulos serão dados de 5 a 20 pontos de acordo com o tempo de experiência do professor em sala de aula. No caso de cursos de especialização na área de Educação, a pontuação é 10 para Especialista, 15 em Mestrado e 20 em Doutorado.

Os candidatos excedentes ao número de vagas divulgadas comporão o cadastro de reserva, e poderão ser convocados durante o prazo de validade do edital obedecendo a ordem de classificação.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir