País

Anac reajusta tarifas no Aeroporto Internacional de Brasília

O reajuste varia entre 7,5% e 8,9% - foto: José Cruz/ABr

O reajuste varia entre 7,5% e 8,9% – foto: José Cruz/ABr

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) autorizou nesta quinta-feira (23) a Inframérica, concessionária que administra o Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek, em Brasília, a reajustar os tetos das tarifas de embarque, conexão, pouso, permanência, armazenagem e capatazia do terminal.

Com o reajuste, que varia entre 7,5% e 8,9%, a taxa de embarque para voos doméstico será de R$ 19,01, enquanto para os voos internacionais será de R$ 33,64. Os novos valores passam a vigorar em 30 dias.

De acordo com resolução da Anac publicada hoje no Diário Oficial da União , o aumento foi calculado conforme os critérios de reajuste tarifário previstos no contrato de concessão.

Segundo a Inframérica, decolam do aeroporto de Brasília aviões para 45 destinos nacionais e sete internacionais regulares, operados por 12 companhias aéreas. O terminal é o segundo aeroporto em movimentação de passageiros do Brasil e o terceiro em movimentação internacional. A média diária de voos no Aeroporto Juscelino Kubitschek é 500 movimentos aéreos, com a movimentação de 49 mil usuários, entre embarques e desembarques.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir