Dia a dia

Ambulantes são retirados de área destinada a construção da associação ‘Lar das Marias’ na Alvorada

Parte da área desocupada será destinada à construção da associação ‘Lar das Marias’, que acolhe mulheres em tratamento contra o câncer – Daniel Landazuri

Uma área de mais de 2 mil metros quadrados, localizada entre a avenida Dom Pedro e a rua Loris Cordovil, no bairro Alvorada, Zona Centro-Oeste de Manaus, foi desocupada na manhã desta quarta-feira (16). Cerca de 22 ambulante que trabalhavam no local tiveram as barracas retiradas da área.  A ação ocorreu em cumprimento ao mandado de manutenção de posse, concedido pela 9ª Vara Cível e coordenada pelo Gabinete de Gestão Integrada da Secretária de Segurança Pública do Amazonas (GGI/SSP), com o apoio da Policia Militar e de órgãos estaduais e municipais.

De acordo com a secretária do GGI, Zandra Ribeiro, o terreno é de propriedade do Estado. Uma parte da área foi cedida para a construção da sede da Associação de Apoio à Mulheres Portadoras de Câncer, conhecido como Lar das Marias. A área estava ocupada irregularmente pelos ambulantes, que usavam o local como praça de alimentação.

Leia também: Polícia cumpre mandato de reintegração de posse no Pau Rosa

“Os ambulantes que trabalhavam aqui tiveram todas as oportunidade para retirarem suas coisas com antecedência. Eles receberam duas notificações. A primeira foi há um mês e ontem também foi avisado. Esses lanches funcionavam de forma irregular nesse local. Hoje viemos aqui para cumprir o mandado, inclusive já encontramos outras irregularidades, como furto de energia e água”, disse.

Barracas foram desmontadas e retirada pelos proprietários – Daniel Landazuri

Em meio a protestos, os ambulantes questionaram a ação judicial e informaram que os trabalhadores do local estavam com documentação expedida pela Superintendência Estadual de Habitação (Suhab), para a utilização da área.

“Há oito anos trabalhamos nesse local. Em março de 2015, solicitamos na Suhab a regulamentação e a permanência dos comerciantes. Agora estamos todos prejudicados, mais de 20 famílias tiravam o sustento desse lugar”, contou ambulante Marfely Farias.

Lar das Marias

A associação que acolhe mulheres que vem do interior do Amazonas para tratamento do câncer em Manaus, deve ganhar um prédio próprio, após a desocupação da área. A construção do prédio no local deve começar ainda este ano.

“Há mais de um ano ingressamos com essa ação judicial para que esses ambulantes desocupassem a área. Depois de muita luta, conseguimos a ordem. Esse local é estratégico, pois fica próximo ao Cecom e vai facilitar o tratamento das mulheres. As obras já eram para terem sido iniciadas em março, mas todo o material colocado na área, era retirado pelos ambulantes. A associação recebeu doações e devem iniciar a construção o quanto antes”, disse o advogado Oldeney Valente, representante da associação.

Daniel Landazuri
EM TEMPO

Leia mais

Reintegração de posse: polícia retira 200 famílias de invasão no Monte das Oliveiras

Motoristas de rota do Distrito Industrial protestam e pedem providências contra assaltos

Movimentos sociais fazem protesto contra a reforma trabalhista

 

 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir