Economia

Amazonense tem medo de pedir o CPF na nota fiscal

Em janeiro de 2016 foram sorteados 775 prêmios instantâneos  - foto: Diego Janatã

Em janeiro de 2016 foram sorteados 775 prêmios instantâneos – foto: Diego Janatã

Mesmo com quase 190 mil pessoas cadastradas no programa Nota Fiscal Amazonense, a Secretaria do Estado da Fazenda (Sefaz/AM) cobra maior participação da sociedade com a arrecadação do Estado.

De acordo com o coordenador do programa, Augusto Bernardo Cecílio, a população deve ser uma aliada da secretaria no combate à sonegação, aderindo ao programa, tornando um hábito a solicitação do CPF na nota fiscal. “As pessoas querem transparência, mas não querem pedir para inserir o CPF na nota fiscal”, disse o coordenador.

Ele ressaltou que a sociedade tem medo de pedir a inserção do CPF. No entanto, ele afirmou que a Sefaz não faz nenhum cruzamento de dados com a Receita Federal. “Queremos pegar os que vendem sem nota fiscal e sonegam impostos”, explicou.

O coordenador afirmou ainda que os estabelecimentos que não vendem com nota devem ser denunciados por meio dos números 2121-1732 e 2121-1689, no aplicativo “Nota Fiscal Amazonense”, disponível para Android e IOS, ou enviar um e-mail para cidadaniafiscal@sefaz.am.gov.br. As reclamações devem ser feitas dentro de 24 horas.

Apesar das fiscalizações e instruções da Sefaz às empresas do comércio, alguns estabelecimentos parecem deixar de lado o hábito – adquirido por alguns no início da campanha – de colocar o CPF na nota.

O administrador de empresa John Kenedy afirmou que por três vezes foi a um supermercado e notou que os operadores de caixa não perguntam se o cliente deseja ter o CPF na nota.

“Quando questionei, a pessoa que estava no caixa apenas me disse que esqueceu. Na outra vez, perguntei novamente e a atendente em questão afirmou que pensou que a campanha tivesse terminado”, comentou.

 

Premiação

A Sefaz já entregou mais de 17 mil prêmios desde o início da campanha. Na manhã de ontem (10) foi realizado o segundo sorteio mensal do programa Nota Fiscal Amazonense de 2016.

 

Por Asafe Augusto

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir