Fonte: OpenWeather

    Paralisação


    Em paralisação surpresa, rodoviários abandonam ônibus no Terminal 1

    Os rodoviários reclamam dos atrasos no pagamento de salários


    Manaus - Ônibus de várias empresas do transporte coletivo de Manaus paralisaram no Terminal de Integração (T1), na avenida Constantino Nery, na Zona Sul de Manaus, na tarde desta quinta-feira (12). 

    Além do T1, os ônibus estão parados nas principais ruas do Centro da capital amazonense.

    De acordo com o presidente Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Rodoviário em Manaus (STTRM) , Givancir Oliveira, o motivo da paralisação foi devido ao descumprimento do acordo entre as empresas e os trabalhadores. Segundo ele, os empresários pagaram somente 50% do valor do salário mensal, que estava atrasado há 10 dias.

    Com a paralisação, o trânsito ficou complicado no sentido centro
    Com a paralisação, o trânsito ficou complicado no sentido centro | Foto: Marcely Gomes

    "São 10 dias de atraso e os empresários pagaram apenas 50%. Isso é uma falta de respeito com o trabalhador. Não trabalhamos pela metade, os funcionários têm o direito de receber o valor integral", disse o  Givancir.

    Leia também: Rodoviários confirmam greve geral e Manaus vai parar: descubra quando

    Os ônibus voltaram a circular após duas horas
    Os ônibus voltaram a circular após duas horas | Foto: Marcely Gomes

    Além do atraso no pagamento, o presidente do sindicato informou que os empresários cancelaram o auxílio-alimentação dos funcionários."Não tem como trabalhar desse jeito. Além de não receberem dia, o beneficio do auxílio alimentação foi cortado. Com isso, os trabalhadores se revoltaram e resolveram paralisar as atividades", afirmou Givancir, acrescentando que a paralisação foi uma decisão dos trabalhadores e não do sindicato.

    Os ônibus começaram a parar nas proximidades do T1
    Os ônibus começaram a parar nas proximidades do T1 | Foto: Marcely Gomes

    Sinetram

    O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram) informou que as empresas já pagaram 50% do salário dos trabalhadores nesta quinta-feira (12) e está negociando o pagamento do restante para a próxima terça-feira (17).

    Veja vídeo: 

    Momento da paralisação | Autor: Divulgação

    Paralisação programa

    A paralisação estava programa para acontecer na quarta-feira (11), mas o sindicato dos rodoviário decidiu cancelar a paralisação após uma reunião com representantes do Sinetram.

    Os motoristas paralisaram no T1 e no Centro
    Os motoristas paralisaram no T1 e no Centro | Foto: Marcely Gomes

    Durante a reunião, confirme os rodoviários, ficou acertado que as empresas iriam pagar os salários atrasados, além dos benefícios e adiantamentos, como férias, vales e fundos de garantia de Tempo de Serviço (FGTS).

    Entretanto, os empresários pagaram somente 50% do salário, o que deixou os trabalhadores revoltados.

    Leia mais: 

    Rodoviários abandonam ônibus e paralisam 100% da frota em Manaus

    Na próxima semana, Manaus terá nova paralisação de ônibus

    Em paralisação surpresa, rodoviários abandonam ônibus no Terminal 1