Sem categoria

Amazonas já registra 50 casos de H1N1, com seis óbitos em Manaus

O Amazonas registrou, neste ano, 50 casos de H1N1, com seis óbitos, ocorridos em Manaus nos meses de fevereiro (um registro), abril (dois) e maio (três). Os dados foram divulgados na manhã desta terça-feira (28) pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), vinculada à Secretaria Estadual de Saúde (Susam).

De acordo com diretor-presidente da FVS, Bernardino Albuquerque, o auge dos casos se deu antes da campanha de vacinação contra Influenza, realizada no período de 25 de abril a 20 de maio. “Somente no mês de maio foram confirmados 23 casos da doença, com 03 óbitos. Em junho, foram confirmados três casos, sem ocorrência de óbito, o que apresenta um declínio de 86% no número de casos e como consequência a diminuição da circulação do vírus”, diz.

Albuquerque salienta que os vírus da Influenza circulam durante todo o ano e, portanto, o monitoramento deve ser contínuo. “Este ano o país vivenciou uma epidemia da doença, principalmente, nas regiões Sul e Sudeste e isso refletiu no Amazonas, que estava sem ocorrência do vírus desde 2015”, salienta.

A prevenção de H1N1 exige medidas simples de higienização das mãos, como a lavagem delas ou até mesmo o uso frequente de álcool gel.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir