Política

Aleam suspende votações para viagem de deputados

Após uma semana de feriado prolongado, as sessões da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), desta quarta-feira (10) e desta quinta-feira (10 e 11), deverão contar apenas com quórum mínimo de deputados para ocorrer. A informação vem de fontes ligadas à presidência da casa legislativa, que revelou que dentre os 24 parlamentares da casa, ao menos 17 estarão em viagem para participar da 19ª Conferência Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (CNLE) promovida pela União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), em Vitória/ES.

O diretor-geral da Aleam, Vander Mota, informou que as autorizações para que os deputados viajem para o evento já estavam lançadas no Diário Oficial do Legislativo (DOL), no entanto, até a tarde de ontem (9), apenas nove deputados contavam com o seu nome registrado oficialmente nas edições do DOL publicadas na página do Portal da Transparência da casa. São eles: Cabo Maciel (PR), Sinésio Campos (PT), Adjuto Afonso (PP), Wanderley Dallas (PMDB), Dr. Gomes (PSD), Belarmino Lins (PMDB), David Almeida (PSD), Bi Garcia (PSDB) e Augusto Ferraz (DEM). Segundo informações, também estarão presentes no evento da Unale os deputados Carlos Alberto (PRB), Dermilson Chagas (PDT) e Platiny Soares (PV). O deputado Sabá Reis (PR) informou que ainda não tinha definido se viajaria, até a tarde de ontem.

O presidente da Aleam, Josué Neto (PSD) informou que vai permanecer em Manaus coordenando os trabalhos legislativos, mas confirmou que não serão feitas votações hoje e amanhã, em virtude da viagem dos deputados para a conferência. Também confirmaram que não irão viajar os deputados José Ricardo (PT), Alessandra Campelo (PC do B) e Serafim Corrêa (PSB).

Conforme o que está definido no regimento interno do legislativo estadual, o quórum mínimo de parlamentares exigido para que ocorra a sessão plenária é de um quinto dos deputados, ou seja, ao menos cinco, enquanto que o requisito para haver votação é de cinqüenta por cento mais um, 13 parlamentares.

 

Por Equipe Jornal EM TEMPO

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir