Sem categoria

Agência rebaixa Brasil de novo, cinco meses após tirar selo de bom pagador

 A agência Fitch também retirou o grau de investimento do Brasil, em dezembro - foto: divulgação /ABr.

A agência Fitch também retirou o grau de investimento do Brasil, em dezembro – foto: divulgação /ABr.

A agência de classificação de risco Standard&Poor’s rebaixou a nota brasileira de BB+ para BB nesta quarta-feira (17) ao avaliar que o processo de ajuste da economia será mais prolongado do que o esperado. A perspectiva é negativa.

A S&P havia retirado o selo de bom pagador do país em setembro do ano passado.

Em comunicado, a agência afirma esperar que entre 2016 e 2018 o deficit público será, em média, de 7% do PIB. A dívida pública ficará em torno de 60% do PIB.

Segundo a S&P, o rebaixamento reflete uma piora no perfil de crédito brasileiro desde setembro. “Agora nós esperamos um processo de ajuste mais prolongado, com uma correção mais lenta na política fiscal e mais uma ano de contração da economia”, disse a empresa.

Para a agência, a meta fiscal de 2016, de superavit de 0,5% do PIB, está em revisão novamente. Há ainda a percepção de menor compromisso do governo com a política fiscal. Em 2016 e 2017, a agência espera deficit fiscal médio de 8%, com redução para 5% em 2018.

A agência Fitch também retirou o grau de investimento do Brasil, em dezembro. Apenas a Moody’s ainda mantém o selo de bom pagador do país, ainda que a nota esteja em revisão para rebaixamento.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir