País

Aeroporto de Congonhas volta a operar após ficar fechado

O aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo, voltou a operar às 6h37 desta sexta-feira (31) para pousos, mas com auxílio de instrumentos.

A interrupção dos pousos durou 27 minutos devido ao forte nevoeiro que atinge a capital. As decolagens ocorrem normalmente.

A Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária), que gerencia o aeroporto, ainda não sabe informar se algum voo foi cancelado ou alternado.

Apesar da neblina, o aeroporto de Cumbica, em Guarulhos (Grande São Paulo), opera com auxílio de instrumentos para pousos e decolagens.

Segundo a GRU Airport, concessionária que administra o aeroporto, dois voos da Gol foram alternados para os aeroportos de Viracopos (Campinas) e Galeão (Rio).

No Paraná, o aeroporto de Afonso Pena está fechado desde às 6h26 para pousos e decolagens devido a forte neblina que atinge a região. A Infraero ainda não sabe informar se há registro de voos alternados.

Em Santa Catarina também estão suspensos os pousos e decolagens e no aeroporto de Navegantes desde às 6h, horário de abertura, devido a um forte nevoeiro. Ao menos um voo foi alternado e um cancelado, segundo a Infraero.

Oito voos da TAM que sairiam ou chegariam no aeroporto de Congonhas foram cancelados.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir